Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 10147 - Extremistas muçulmanos matam a dois jovens cristãos no Paquistão
Artigo visto 1458 vezes




Visto: 1458
Postado em: 20/09/12 às 06:48:39 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10147
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

ROMA, 19 Set. 12 / 04:16 pm (ACI/EWTN Noticias).- No dia 15 de setembro extremistas islâmicos da etnia pashtún balearam dois jovens cristãos no bairro de Essa Nagri, nos subúrbios do Karachi, Paquistão, enquanto exigiam o pagamento da "jizya", a quota imposta pela "sharia" (lei muçulmana) àqueles que não seguem o Islã.

Em Essa Nafri vivem pelo menos 50 mil cristãos sob constantes ameaça dos extremistas. Esse dia, extremistas a bordo de motocicletas assaltaram o povado exigindo aos residentes o pagamento deste imposto e desataram uma briga na qual assassinaram Nasir Masih, católico, e Rafi Masih, cristão protestante. Outros dois resultaram feridos.

Conforme informou o pároco católico da região, Pe. Víctor John, à agência vaticana Fides, para proteger os cristãos "decidiram construir um muro e fechar uma entrada a Essa Nagri, a qual se encontra do lado do bairro muçulmano, onde vivem os pashtun e os baluchis, que realizam os atentados".

Além disso, diante da situação de terror, a extrema pobreza e a carência de serviços básicos, os cristãos organizaram um serviço de segurança interno, para tentar proteger-se, "agora Essa Nagri é um gueto, com uma única porta de acesso", assinalou o Pe. Víctor.

"Pedimos à polícia que proteja a população de Essa Nagri, que há meses é vítima de abusos", e "pedimos aos cristãos que não atuem com vingança, que sejam pacíficos, mesmo nos protestos legítimos", exortou o sacerdote.

No dia 17 de setembro, o sacerdote compareceu aos funerais dos dois homens assassinados e denunciou que a situação dos cristãos é insustentável, enquanto que a polícia não faz nada para freiar a violência.

Para evitar novos distúrbios ou provocações, os defuntos não serão enterrados no cemitério "já que a situação é muito tensa, também devido às recentes protestas muçulmanas contra o filme A inocência dos muçulmanos", e ambos os corpos serão enterrados na "Awama Church" ("Igreja de Todos"), uma igreja cristã multiconfessional.

Este foi o terceiro ataque perpetrado em duas semanas dentro deste subúrbio cristão, alvo de grupos extremistas que atuam sem que a polícia os detenha, e onde já perderam a vida quatro pessoas.


Fonte: http://acidigital.com/noticia.php?id=24170



LEIA TAMBÉM
Mulher foi condenada por provocar-se um aborto faltando uma semana para dar à luz
ENCONTRO ENTRE PAPA E PATRIARCA DE MOSCOU PARECE MAIS PRÓXIMO
"OXALÁ OS HOMENS COMPREENDAM QUE SÃO TODOS IRMÃOS!" - Palavras de Bento XVI ao recitar o Angelus durante Viagem Apostólica ao Líbano
"A VOCAÇÃO DA IGREJA E DO CRISTÃO É SERVIR" - Homilia de Bento XVI durante missa no City Center Waterfront de Beirtut
"VOCÊS TÊM UM LUGAR PRIVILEGIADO NO MEU CORAÇÃO E EM TODA A IGREJA" - Discurso do Papa às jovens gerações do Líbano e do Oriente Médio
Filme Vídeo sobre profeta Maomé não pretende insultar os muçulmanos, diz pastor cristão
Ataque suicida contra vídeo de Maomé deixa nove estrangeiros mortos em Cabul
Cristo cura um homem surdo e mudo interiormente para que escute a voz de Deus, afirma o Papa
Sinal dos Tempos: Onda de ataques anticristãos varre a Rússia



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.314.547
Visitas Únicas Hoje: 926
Usuários Online: 353