Vigário Apostólico de Trípoli, Líbia : “enquanto existir um cristão, permaneço!”
 
 
Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.138.067
Visitas Únicas Hoje: 1.540
Usuários Online: 264
Sistema de Busca

 

Destaque




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1115 - Impresso: 22 - Enviado: 12 - Salvo em Word: 32
Postado em: 07/08/14 às 10:38:07 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=12552
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

“A comunidade cristã na Líbia já está reduzida ao mínimo, mas pretendo continuar aqui, enquanto houver um cristão que seja”. Foi o que afirmou à Agência Fides o Vigário Apostólico de Trípoli, Dom Giovanni Martinelli,(foto) no momento em que a Líbia atravessa um dos momentos mais difíceis após a derrubada do regime de Muammar Kadafi.

O Bispo resume com estas palavras a situação da comunidade cristã na Líbia: “Em Cirenaica não existem mais irmãs, enquanto estão deixando a região a maior parte dos filipinos, que são o coração da comunidade cristã na Líbia. Em Trípoli ainda existe uma boa presença dos filipinos, mas muitos deles estão de partida”.

“A Igreja vive em relação com esta presença dos leigos que atuam no setor de saúde e, dada a situação atual, isto é realmente um momento de dura prova. Não sei como tudo acabará, mas tenho a confiança de que um grupo de pessoas permanecerá aqui a serviço da Igreja”, observou esperançoso Dom Martinelli.

O problema é saber que fisionomia assumirá o país”, continua o Vigário Apostólico. “No momento, os combates parecem ter cessado, mas a situação permanece precária. O aeroporto está fechado e as pessoas que partem, o fazem de navio. Também a viagem por terra até a fronteira com a Tunísia tornou-se impraticável”, relatou.

“Ainda tenho confiança no futuro da Líbia, mas estamos nas mãos de Deus”, prossegue Dom Martinelli que afirma não querer abandonar o país. “Enquanto houver um só cristão aqui, eu devo ficar para assisti-lo. Mesmo que o serviço religioso tenha se reduzido ao mínimo, não posso abandonar os poucos cristãos remanescentes”, conclui o prelado, que dirige um apelo à oração, pois “somente a oração pode resolver situações difíceis como a vivida pela Líbia hoje”. (JE)



Fonte: http://blog.comshalom.org/carmadelio





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 07/08/14 às 10:38:07 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.


Visite o espacojames nas redes sociais:



LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES