Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 5.286.514 Visitas Únicas Hoje: 1.983
Usuários Online: 301
Sistema de Busca
Documento sem título

Qual a aparição de Nossa Senhora mais importante na História?

Medjugorje

Fátima














Newsletter Espacojames
Receba nossas atualizações diretamente no seu Email - Grátis!
 

Destaque




Salvar em PDF






Visto: 422 - Impresso: 10 - Enviado: 8 - Salvo em Word: 10
Postado em: 26/05/15 às 10:16:44 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=13371
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Espacojames: Grande parte desta conversão são resultados dos eventos ocorridos em Fátima. Salve Maria!

A apostasia não chegou a Portugal, é o que demonstra um recente estudo. Nove em cada dez portugueses afirmam ter uma preferência religiosa e, dentre esses nove, 97,1% afirmam sua preferencia pela Igreja Católica.

Esse impressionante dado foi constatado por um estudo da IPAM – Marketing School, que entrevistou 1.200 pessoas entre 3 de Abril de 2015 e 3 de Maio de 2015.

O Estudo mostra que Portugal segue em sentido contrario ao que se observa no resto da Europa. A Eurobarometer Poll 2005 revelou que 18% não acreditam em qualquer tipo de espírito, deus ou força vital. O velho continente tem indicado viver uma guinada para uma época pós cristã.

Apesar do animador dado sobre Portugal, cerca de um quarto dos que se declararam religiosos, de qualquer credo, não frequentam os respectivos templos.

Pedro Mendes, do IPAM – Marketing School, relatou que a maioria dos católicos declararam que são católicos graças as tradições religiosas familiares. O que, segundo ele, “a longo prazo, poderá significar algumas mudanças”, devido a alguma perda de importância “da instituição família e da tradição familiar”.

Em declaração a rádio portuguesa Renascença, o arcebispo primaz de Braga, D. Jorge Ortiga, destacou que “a Igreja tem consciência desta realidade” da adesão a fé católica se dar por tradição familiar e que as dioses portuguesas trabalham “no sentido de promover uma maior consciencialização individual da fé, particularmente na catequese”.

O arcebispo primaz de Braga, D. Jorge Ortiga, sublinha, em declarações à Renascença, que “a Igreja tem consciência desta realidade”, em que o principal fator de adesão à fé católica acaba por ser a tradição, o que leva a que as diferentes dioceses estejam hoje “a trabalhar no sentido de promover uma maior consciencialização individual da fé, particularmente na catequese”.

Por outro lado, não podemos esquecer, é extremamente comum a países evangelizados, e no caso de Portugal, evangelizadores, que a adesão a fé seja própria a vida do povo. Cabe a igreja docente manter acesa a fé que já queima no coração de Portugal.

 



Fonte: Fides Press











Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 26/05/15 às 10:16:44 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.




LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES