Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 4938 - Bento XVI tem sido incansável na “análise e correção de abusos”
Artigo visto 1457 vezes




Visto: 1457
Postado em: 19/04/10 às 21:38:14 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=4938
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Bispo do Porto celebrou Te Deum pelo 5º aniversário da eleição do Papa

PORTO, segunda-feira, 19 de abril de 2010 (ZENIT.org).- O bispo do Porto, Dom Manuel Clemente, considera que Bento XVI, desde que assumiu o pontificado, tem sido “incansável na análise e correção de abusos”.

Dom Manuel Clemente celebrou nesse domingo, na Sé do Porto, um Te Deum pelo 5º aniversário da eleição do Papa Bento XVI.

“Damos graças a Deus pelo ministério de Pedro; e damos graças também pelo pontífice que atualmente lhe dá nome e figura”, disse inicialmente em sua alocução o bispo.

Segundo Dom Manuel Clemente, o Papa Ratzinger “trouxe ao pontificado, na sucessão da grande figura de João Paulo II, o contributo muito oportuno da sua personalidade fortíssima, nos aspectos doutrinais e práticos”.

“Intelectualmente, como inteligência aguda e aplicada, quer à tradição eclesial, quer aos muitos anos já vividos, da Alemanha a Roma, na preparação, realização e aplicação do Concílio Vaticano II, fielmente interpretado.”

“O atual Pontífice é, indubitavelmente, uma das vozes mais ouvidas e dos pensamentos mais seguidos, por todos os que não desistem de compreender e aprofundar tudo quanto à humanidade respeite”, afirmou.

Para Dom Manuel Clemente, o exercício racional “nunca separou Bento XVI da realidade eclesial e mundial, no que esta traga de mais concreto e interpelante, rumo à idoneidade evangélica”.

“Certamente recordamos as suas meditações para a Via Sacra no Coliseu de Roma, pouco tempo antes da morte de João Paulo II. Aí aludia com palavras fortes – e porventura inesperadas – às graves contrafacções por vezes observadas na Igreja e nos seus ministros, que urgia corrigir e ultrapassar.”

Pois bem – prossegue o bispo –, “desde que assumiu o pontificado, Bento XVI tem sido incansável na análise e correcção de abusos, reforçando-nos a todos no mesmo sentido e dando ao mundo um exemplo ímpar de reforma institucional, que certamente estimulará outros a fazerem o mesmo nos seus próprios campos”.

“Lucidez e coerência, também não têm faltado a Bento XVI na abordagem doutras temáticas sensíveis, desde o campo ecuménico e inter-religioso a tudo o que respeite à vida humana, da concepção à morte natural”, considera.

Dom Manuel Clemente convidou os fieis a darem “muitas graças a Deus pelo atual pontificado”. Afirmou que todos devem “trabalhar para que o seu magistério seja mais acolhido e encontre mais consequência na nossa vida pessoal e comunitária”.


Fonte: zenit.org



LEIA TAMBÉM
Em seu aniversário, Papa pede orações pela santidade da Igreja
Papa: cristãos devem ter coragem de falar da vida eterna
A confusão entre pedofilia e efebofilia
O imbecil coletivo no ataque à Santa Igreja Católica
Santo Sudário “remete ao amor infinito de Jesus”
O enigma da face de Jesus - véu de Verônica
Arcebispo Ravasi: Papa quer diálogo com os pensadores ateus
Ivan Lessa: Voz de prisão ao Papa
Abaixo assinado em apoio ao Papa Bento XVI



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.252.938
Visitas Únicas Hoje: 2.107
Usuários Online: 528