Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 5.405.854 Visitas Únicas Hoje: 1.803
Usuários Online: 320
Sistema de Busca
Documento sem título

Qual a aparição de Nossa Senhora mais importante na História?

Medjugorje

Fátima














Newsletter Espacojames
Receba nossas atualizações diretamente no seu Email - Grátis!
 

Reflexões e P. Point
Aqui estão listados as Reflexões e as mensagens em Power Point que recebo nos meus emails, antes eu as colocava para download, mas devido ao grande peso resolvi colocar no sistema, para mais fácil leitura.




Salvar em PDF






Visto: 2395 - Impresso: 53 - Enviado: 27 - Salvo em Word: 56
Postado em: 19/08/12 às 08:32:59 por: James
Categoria: Reflexões e P. Point
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=6&id=10057
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Reflexões e P. Point

Enviado por email ao espacojames: Bruno Alves


Esta Via-Sacra foi composta por Richard Thaimann e, no Brasil, é divulgada pelo Movimento GBM, de Rancho Queimado, em Santa Catarina.

Existem muitos enganos propagados pelos adeptos do aborto e é preciso esclarecer muito bem as pessoas que se decidem por praticá-lo.

Um desses enganos é dizer que a mãe nada sofre após fazer um aborto. Nos Estados Unidos, um outdoor ao lado de uma estrada dizia: «ABORTO = uma criança morta e uma mãe ferida». As conseqüências para a mãe são físicas, morais e emocionais. As pessoas tentam fazer com que a mulher que abortou "esqueça" o que aconteceu, como se nada fosse. O sofrimento das mulheres que já abortaram é muito grande, pois fica sufocado pelo silêncio. Silêncio por parte de quem a incentivou ou a levou a isso. Essas mães não precisam de nosso julgamento, mas de nosso perdão, de nossas orações, de nosso carinho e de orientação. (Ver mensagem do Papa às mães que já abortaram.)

Outro engano, muito comum, é fazer com que a mãe aceite praticar o aborto dizendo que o que ela carrega em seu ventre não é gente ainda. Quantas mulheres se desesperaram ao ver os pequenos membros de seu filho abortado - pois não imaginavam como acontece seu desenvolvimento. Pensavam ser apenas um amontoado de células disformes, mas já era uma pessoa completa: olhos, coração, cérebro, braços... E vivo, uma pessoa viva, com uma alma imortal infundida por Deus, desde o momento da concepção.

Meditemos com esta Via-Sacra, que está começando a ser ilustrada com fotos reais da gestação humana.

 

Primeira Estação - Condenação

Eu fui condenado à morte antes de ter nascido.
A mim ninguém me deu amor, pois a mim ninguém me quer.


Segunda Estação - Jesus com a cruz

Carregaram-me com a maldição de ser indesejado.
Todos me amaldiçoam, terei de ser "eliminado"

Terceira Estação - Primeira Queda

Eu sou um pecado, "uma queda".
Ninguém pode ser obrigado a carregar o erro duma gravidez não desejada!




Quarta Estação -  Encontro com a mãe

Quão doloroso, Senhor, foi o Teu encontro!
Eu... eu não tenho mãe, que me encontre e chore!
Eu estou encarcerado no ventre de uma mulher que me manda matar!




Quinta Estação - O Cirineu

Alguém ajudou-Te a levar a Cruz,
A mim... a mim, ninguém me ajuda!
O médico dará à mulher um narcótico
Para que ela não sofra quando eu sofrer a morte.



Sexta Estação - A Verônica

Ó quem me dera uma Verônica que me consolasse na minha condenação!
Ninguém sabe da minha situação!
A "lei" cala os próprios cristãos!


Sétima Estação -  Segunda Queda

É fácil mandar me matar enquanto sou pequeno!
Meu pai faz cálculos: quanto vou lhe custar?
Minha morte sai mais "barato"!
Daí... tenho que morrer!



Oitava Estação - As mulheres

De que Te serviram, Senhor, as lágrimas das mulheres?
Não puderam impedir a Tua morte!
De que me valem as "leis"?
"Legalizam" a minha morte!




Nona Estação - Terceira Queda

A queda é fatal: eu tenho que morrer!
Estão confirmados os cálculos: não há um pedacinho de pão para mim neste vale de lágrimas.
Tenho que morrer!


Décima Estação - Jesus despido



A Ti despiram-Te dos vestidos.
Eu nunca tive um vestido!
Apenas a minha pele.
Mas, mesmo assim... agarram-me com segurança!

Décima Primeira Estação - Crucificação



A Ti pregaram-Te numa Cruz.
A mim partem-me em pedaços.
E também "contam todos os pedacinhos..." para terem a certeza
de que a mãe não fica com infecção.


Décima Segunda Estação  - Morte na Cruz

Décima Terceira Estação - Descido da Cruz



Morto, pudeste repousar no regaço de quem nasceste... mas a mim
renovam-me apenas a maldição...
Porque serei uma carga a pesar... na consciência!

Décima Quarta Estação - No túmulo



A Ti ofereceram-Te um túmulo.
A mim apenas o monturo de lixo!
Lá esperarei o juízo final...
quando terei de fazer o meu depoimento
contra... "meus pais".



--

Peça folhetos com a Via-Sacra dos Inocentes:
Movimento GBM
Rua N.Sra. Protetora dos Nascituros, 390
Rancho Queimado-SC
88470-000

Peça também pelo endereço acima
o jornal Em defesa da vida
e contribua com a manutenção
do Movimento pedindo um carnê
de contribuição

 

 

 

 

Tu morres.
Eu também.
Tu és inocente.
Eu também.
Tembra-Te de mim, quando entrares no Teu Reino... no Teu Reino de Vida Eterna.

 



Via-Sacra dos Inocentes


Fonte: http://rosariopermanente.leiame.net/devocoes/viasacra-inocentes.html











Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 19/08/12 às 08:32:59 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.




LEIA TAMBÉM










Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES