LISTAR ARTIGOS DESTA CATEGORIA
LISTAR MENUS

Artigos



Artigo visto 481 vezes




Visto: 481 - Impresso: 12 - Enviado: 6 - Salvo em Word: 6
Postado em: 28/07/18 às 22:56:07 por: James
Categoria: Artigos
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=1&id=15024
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos

Alguns (quem diria?) levaram até uma vida de depravação

Os santos nem sempre foram perfeitos. Muitos cometeram grandes erros; outros levaram, inclusive, uma vida de depravação antes de serem convertidos. 

Isso nos mostra que até mesmo nossos corações frios e distantes de Deus podem se voltar a Ele e receberem uma vida nova .

Os santos costumam parecer “sagrados demais” para serem imitados. Mas, na verdade, eram mais parecidos conosco do que imaginamos. Eles lutaram contra os mesmos vícios, pecados e maus hábitos que nos sobrecarregam hoje em dia. Portanto, tomemos como exemplos estes homens e estas mulheres que nem sempre foram santos e, pela graça de Deus, venceram grandes obstáculos para se tornarem exemplos brilhantes de virtude.

 

São Mateus, “o coletor de impostos". Mateus costumava extorquir as pessoas e era odiado por todos. A vida dele mudou drasticamente depois que ele conheceu Jesus.

 

São Dimas, o “bom ladrão”. Dimas era um criminoso condenado à morte. Porém, encontrou Jesus e foi convertido antes de morrer.

 

Santo Agostinho, o “bon-vivant”. Ele era boêmio, gostava dos prazeres da vida e teve uma concubina. Depois de muitas orações, inclusive de sua mãe, converteu-se e se tornou um grande bispo da Igreja.

 

Santa Pelágia, a “mulher perdida”. Foi descrita como uma atriz vulgar. Mais tarde, converteu-se e se tornou freira.

 

Santa Maria do Egito, “a sedutora”. Ela costumava seduzir jovens por prazer. Foi convertida depois fazer uma grande peregrinação

 

 

Fonte: www.aleteia.org

 
Total Visitas Únicas: 6.491.655
Visitas Únicas Hoje: 1.200
Usuários Online: 208