Dede Koswara - o homem árvore ...
 
 
Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.084.250
Visitas Únicas Hoje: 865
Usuários Online: 225
Sistema de Busca

 

Curiosidades




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 9871 - Impresso: 713 - Enviado: 40 - Salvo em Word: 560
Postado em: 22/08/11 às 21:25:37 por: James
Categoria: Curiosidades
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=177&id=8520
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Curiosidades

Não, não se trata de uma montagem. Por mais incrível que possa parecer, o homem acima, Dede Koswara, um pescador indonésio de 37 anos, sofre de uma doença terrível que começou a deformar seu corpo há 20 anos, fazendo com que este tenha o aspecto de uma árvore. Essa é a comovente história do "Homem-Árvore", como foi apelidado pelos moradores do local em que vive.

A terrível saga de Dede começou quando ele tinha 15 anos. Acidentalmente, sofreu um corte no joelho e a partir de então, sua perna começou a ser tomada por uma estranha camada que mais parecia uma casca de árvore. Com o tempo, a doença foi se espalhando e seu corpo ficou praticamente coberto por "galhos". Dede foi demitido do emprego, pois estava inapto para trabalhar. Sua mulher acabou por deixá-lo e ele teve que cuidar dos filhos. Para sobreviver e ganhar o pão de cada dia, foi obrigado a ser uma atração em um circo.

Desesperado, não conseguia obter respostas para seu problema de saúde. Nenhum dos médicos sabia responder o que ele tinha e como tratá-lo. O caso chegou até o canal científico de televisão Discovery, que fez um documentário sobre o assunto. A história chamou a atenção do renomado dermatologista norte-americano Dr. Anthony Gaspari, da Universidade de Maryland. Depois de alguns testes, o médico concluiu que a doença foi causada pelo vírus HPV, que se desenvolveu de uma forma completamente diferente do que nos outros humanos, pois Dede possui uma falha genética gravíssima: seu sistema imunológico praticamente não existe. "Tecnicamente é como se ele fosse um paciente com AIDS em estado terminal", explica o Dr. Gaspari.

Os médicos decidiram operá-lo e administrar doses diárias de uma droga sintética, para combater a enfermidade. "Seu corpo jamais será normal, mas após a cirurgia e o tratamento, ele terá uma vida mais digna e poderá executar suas tarefas diárias", afirma Gaspari.

Fotos:

--

TRATAMENTO:

"Homem-árvore" indonésio será operado novamente

Um indonésio de 37 anos, que sofre de uma grave doença que transformou suas mãos e pés em aglomerados de verrugas semelhantes a raízes de árvores, voltou a piorar quatro meses depois de receber alta de um tratamento médico. Dede Koswara deve passar por novas operações até o final de dezembro ou no início de 2009 para tentar remover e reduzir as verrugas. As informações são da Reuters.

O "homem-árvore", como ficou conhecido, estava esperançoso de que poderia se recuperar e encontrar um emprego depois de retornar para casa de um tratamento em agosto. Na época, os médicos removeram 6 kg de verrugas do seu corpo e ele passou a ser atendido em sua residência como paciente ambulatorial.

Desde então, parece que o tratamento não surtiu o efeito esperado. "As (verrugas) que foram removidas estão crescendo novamente e começaram a reaparecer depois que voltei pra casa", afirmou Dede. Por algum tempo, Dede lembrou que pôde ir pescar e até mesmo utilizar um telefone celular, mas novamente passou a necessitar de apoio para realizar atividades diárias.

"Alertamos que a enfermidade poderia não ter 100% de cura. Na cirurgia inicial, tratamos somente de melhorar a sua qualidade de vida", destacou Rachmat Dinata, um dos médicos responsáveis pelo tratamento. Segundo ele, o paciente precisaria de pelo menos duas operações por ano.

Doença

o dermatologista americano Anthony Gaspari, que estuda o caso, informou há algum tempo que Dede aparentemente sofre com uma variação do vírus do HPV. O HPV, ou vírus do papiloma humano, infecta os queratinócitos da pele ou mucosas, e possui mais de 200 variações.

Uma das formas mais conhecidas de propagação da doença é pela relação sexual. Mas no caso de Dede, a doença se agravou por um problema genético do ex-pescador: seus anticorpos são incapazes de combater ou simplesmente deter o crescimento das verrugas. Em depoimento ao canal Discovery - que exibiu recentemente um documentário sobre o problema - Gaspari diz acreditar que uma severo tratamento com vitamina A pode ajudar a determinar a origem do problema.



O indonésio começou a desenvolver a doença ainda na adolescência, após sofrer um profundo corte no joelho. A doença limitou a vida de Dede, que perdeu a mulher e o emprego desde que as verrugas começaram a crescer sem parar. Ele também tem dois filhos. "Não estou desesperado, mas quero me recuperar", desabafou ele em sua casa, na localidade de Tanjung Jaya.

Fonte:http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI3403625-EI298,00.html

 

Video

 

--



Pesquisa: James / www.espacojames.com.br





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 22/08/11 às 21:25:37 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.


Visite o espacojames nas redes sociais:



LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES