Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 12032 - Siria: Formalizadas restrições aos cristãos em Raqqah. “Conversão ao islã ou inimigos a serem combatidos”
Artigo visto 1279 vezes




Visto: 1279
Postado em: 10/03/14 às 09:20:40 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=12032
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Os cristãos sírios pedem nossa intercessão contínua e constante pelo seu país após a formalização de regras de submissão por um grupo extremista no controle da cidade de Raqqah.

As medidas incluem que os cristãos devem pagar um imposto especial, conhecido como jizya, devem conduzir seus ritos religiosos a portas fechadas somente em locais de culto e de maneira não visíveis nem audíveis para os muçulmanos. Além disso, símbolos cristãos não podem estar visíveis. Em público, os cristãos têm de respeitar o horário comercial, os códigos de vestimenta e regulamentos de alimentação islâmicos. Os cristãos também não terão permissão para restaurar ou reparar os prédios de igrejas ou mosteiros que foram danificados – seja por danos colaterais na guerra civil ou mesmo por atos deliberados de profanação.

As regras foram emitidas pelo Estado Islâmico do Iraque e ash-Sham (ISIS) e redigidas como um contrato e tiveram que ser assinadas por líderes da comunidade cristã. Posteriormente, o contrato foi publicado em sites extremistas.

As regras formalizaram o sistema que tem funcionado informalmente desde que o ISIS assumiu o controle da cidade. O contrato dá aos cristãos a opção de se converter ao islamismo, cumprir as estipulações do contrato ou se colocarem na posição de inimigos do Islã que precisam ser combatidos.

No início de 2011 Raqqah tinha uma população de aproximadamente 300.000 habitantes, dos quais estima-se que 3000 (ou seja, 1%) era de cristãos.

A crise síria continua a desafiar as classificações simplistas. Um desenvolvimento dentro da complexidade é a recente intensificação dos conflitos entre elementos extremistas contra os numerosos grupos armados de oposição ao governo do presidente Assad. No início desta semana, após um ataque suicida atribuído ao ISIS que matou um líder islâmico, a Frente Al-Nusra emitiu um ultimato de cinco dias contra ISIS. A Frente al-Nusra exigiu que o ISIS parasse seus ataques contra outros grupos de oposição e aceitasse a mediação de um grupo de clérigos. O ultimato reflete a preocupação profunda que as posições extremistas do ISIS estejam prejudicando o esforço global para derrotar o governo. Algumas fontes reportam que as forças do ISIS enfrentaram ataque direto de outros grupos de oposição nas últimas semanas.

Ps. ISIS é como é chamado o o Estado Islâmico no Iraque e na Síria e ISIL o Estado Islâmico do Iraque e do Levante, em algumas fontes, a diferença é devida ao fato de que em árabe ash-Sham pode significar tanto a Síria como o Levante em geral.


Fonte:
http://blog.comshalom.org/carmadeli
o

 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 6.752.458
Visitas Únicas Hoje: 355
Usuários Online: 128