Por que a França é alvo do terrorismo
 
 
Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 5.940.771
Visitas Únicas Hoje: 689
Usuários Online: 229
Sistema de Busca

 

Destaque




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 991 - Impresso: 18 - Enviado: 8 - Salvo em Word: 13
Postado em: 18/11/15 às 13:37:59 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=13927
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Especialistas apontam os principais motivos que levaram Paris a ser atacada duas vezes pelo Estado Islâmico em 2015

França e sua celebrada capital Paris se tornaram alvo preferencial dos radicais islâmicos. Para a história, 2015 ficará marcado como o ano em que o país foi amedrontado por duas ações do Estado Islâmico. Por que Paris? Especialistas ouvidos por ZH listaram seis motivos.


Ataques franceses

Quando o assunto é Síria, o belicismo do presidente François Hollande é uma das explicações mais citadas. A França é parte da coalizão que ataca o Estado Islâmico (EI). Desde 2014, é ativa nos bombardeios aéreos.

— É um país que está entre os maiores opositores verbais do Estado Islâmico — avalia Cristina Pecequilo, professora de Relações Internacionais da Universidade Federal de São Paulo.


Marginalização de muçulmanos

Nas últimas décadas, milhares de muçulmanos mudaram para a França, de política migratória mais flexível, em busca de oportunidades.

— Jovens franceses descendentes de argelinos e de outros países colonizados cresceram ressentidos porque não foram incorporados à sociedade. Não se sentem franceses. Foram para lá para desfrutar de oportunidades que não foram oferecidas — ressalta Fabiano Mielniczuk, do curso de Relações Internacionais da ESPM-Sul.


A alienação da cultura dominante e o desemprego também são listados como causas.

— Os muçulmanos representam entre 7% e 10% da população total da França, mas são cerca de metade da população carcerária de 68 mil pessoas — diz Gabriela Mezzanotti, coordenadora do curso de Relações Internacionais da Unisinos.
 

População muçulmana e recrutados para o EI

Com larga população muçulmana, a França conta com milhares de descendentes de imigrantes que nasceram no país. Muitos são recrutados para atuar com os terroristas.

— Em torno de 700 cidadãos franceses estão na Síria lutando com o Estado Islâmico. Vários deles combateram por um período e, depois, voltaram à França — avalia Fabiano Mielniczuk, da ESPM-Sul.

Com muitos dos seus cidadãos integrando o radicalismo islâmico, é natural que a França, onde estão circulando terroristas e simpatizantes, se torne um alvo.
 

Ódio à cultura do Ocidente

A dimensão cultural de Paris, cosmopolita e libertária, não é aceita pelos terroristas.

— A França é um símbolo de valores tidos como perversos pelo radicalismo islâmico. São os valores da liberdade, alcançados pela Revolução Francesa. São símbolos a serem combatidos pelos jihadistas — diz Cezar Roedel, da Faculdade da Serra Gaúcha.

No comunicado em que reivindicou a autoria dos atentados, o EI não deixou dúvida sobre o aspecto cultural e conservador dos ataques. Paris é definida como a "capital da prostituição e do vício".
 

Terrorismo acelular

Ataques não estão mais concentrados aqui ou ali. Células deixaram de ser localistas. Pela proximidade com áreas conflagradas, a Europa não ficaria de fora do circuito.

— Se considerarmos que países da África e do Oriente Médio convivem diariamente com terrorismo, os ataques na Europa tendem a aumentar — destaca Gabriela Mezzanotti, da Unisinos.

A Primavera Árabe também levou caos a países como Egito e Líbia.
 

Ultradireita

A cada eleição ganha corpo o discurso da ultradireita francesa, discriminando cidadãos islâmicos.

— O movimento fundamentalista da direita francesa é liderado pela família Le Pen, um grupo político com 15% a 20% dos votos. Eles mobilizam parte da população com um discurso xenófobo e neonazista muito forte. Isso ajuda a tornar alvo de atentados — analisa Cristina Pecequilo, da Universidade Federal de São Paulo.



Fonte: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2015/11/por-que-a-franca-e-alvo-do-terrorismo-4904225.html





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 18/11/15 às 13:37:59 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.


Visite o espacojames nas redes sociais:



LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES