Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.273.268
Visitas Únicas Hoje: 197
Usuários Online: 256
Sistema de Busca

 

Destaque




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1406 - Impresso: 56 - Enviado: 17 - Salvo em Word: 37
Postado em: 14/01/10 às 15:54:37 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=4065
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Com ajuda da associação católica Ajuda à Igreja que Sofre (AIS)


ROMA, terça-feira, 13 de janeiro de 2010 (ZENIT.org).– A associação de ajuda humanitária internacional Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), que presta auxílio a cristãos oprimidos e perseguidos em todo o mundo, disponibilizará uma contribuição no valor de 20.000 euros para a reconstrução do santuário de Santo Antônio, na ilha de Rameswaram, na província indiana de Tamil Nadu.

 

A capela foi danificada gravemente por diversos ataques perpetrados por extremistas religiosos no período entre junho e agosto de 2008, que ocorreram concomitantemente à onda de violência contra cristãos que assolou o país, e que provocou mais de 80 mortes.

O pároco da igreja, padre Michael Raj, disse que ainda hoje existem pessoas que procuram “remover os símbolos cristãos do lugar", e que frequentemente "há intrusos que tentam quebrar a cruz".

A nova capela será protegida por um muro, e planeja-se também construir um abrigo para receber os peregrinos.

De acordo com o padre, por trás dos ataques, existem "grupos de fanáticos religiosos."

"No entanto” - sublinhou – “nossa fé é mais forte, e estamos confiantes de que o Deus no qual acreditamos, apesar destas dificuldades, vai salvar a nossa fé e nosso lugar de adoração".

Embora acredite que as motivações para os ataques sejam religiosas, o padre enfatizou que a maioria dos fiéis de outras religiões têm apoiado sua campanha para proteger a capela. 

“Há um número considerável de peregrinos hindus e muçulmanos que nos visitam”, disse o padre.

O santuário da ilha de Rameswaran dedicado a Santo Antônio existe desde a chegada dos primeiros missionários no século XIX. A capela original foi destruída por um ciclone em 1964, e capela substituta foi severamente danificada pelo tsunami de 2004.

Como Santo Antônio é considerado o santo padroeiro dos marinheiros e pescadores, o templo atrai muitos visitantes na ilha, cuja população depende em grande parte do mar.

O projeto completo de restauração está orçado em 42,500 euros. A população local já conseguiu recolher mais de 11,000, apesar de ser predominantemente pobre.

 



Fonte: zenit.org





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 14/01/10 às 15:54:37 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES