IGREJA NA ÍNDIA: PREOCUPADA PELAS NOVAS GERAÇÕES ANTICRISTÃS
Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 5997 - IGREJA NA ÍNDIA: PREOCUPADA PELAS NOVAS GERAÇÕES ANTICRISTÃS
Artigo visto 1592 vezes




Visto: 1592
Postado em: 20/08/10 às 20:43:35 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=5997
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Um líder político convida a “erradicar o cristianismo”

NOVA DÉLI, quinta-feira, 19 de agosto de 2010 (ZENIT.org) - Uma multidão incontrolada atacou ontem uma escola católica, a St Pius Higher Secondary School, no Estado central indiano de Madhya Pradesh, destruindo o mobiliário e os aparelhos, segundo informa a agência UCAN.

Este novo episódio de violência, supostamente perpetrado por membros da ala estudantil doBharatiya Janata Party, segundo o Pe. Biju Thiruthanathil, teria sido instigado por alguns dos empregados da própria escola, para pressionar um aumento de salários.

 

Segundo o secretário de educação da diocese à qual a escola pertence, a de Khandwa, o Pe. Saji V. Kurian nesse momento teria considerado o aumento de salários, mas a diocese havia pedido para que esperassem a chegada do bispo, que estava fora do Estado.

No ano passado, os representantes católicos fizeram uma petição ao Tribunal Supremo de Madhya Pradesh, demandando proteção para os cristãos e suas instituições. Ainda não houve veredicto.

Tensão em Karnataka

Este novo ataque, o 184º desde que o partido radical hindu Bharatiya Janata Party (BPJ) subiu ao poder, renovou a preocupação da Igreja na Índia, especialmente desde que um dos seus líderes políticos, no último dia 15 de agosto, convidou a "erradicar o cristianismo" da sociedade.

Assim revelou Dom Peter Machado, bispo de Belgaum (Estado indiano de Karnataka, mais ao Sul que Madya Pradesh), em declarações a UCAN, sublinhando a preocupação dos cristãos.

O político do BPJ, Prahlad Remani, membro da Câmara Legislativa de Karnataka, afirmou, em um ato realizado por ocasião do 64º aniversário da independência da Índia, que, quando os britânicos deixaram o lugar, "cometeram dois erros: permitiram a partição da Índia e a criação do Paquistão, e deixaram sementes de cristianismo".

"Estas sementes estão sendo espalhadas sistematicamente por meio das instituições cristãs", o que "coloca a nação em perigo" e, por isso, "elas devem ser erradicadas" da região, afirmou Remani diante do seu auditório.

Dom Machado manifestou sua preocupação pela tensão gerada por estas declarações na região, que até agora "havia sido comparativamente pacífica" com relação a outras desse Estado, como Mangalore ou Bangalore, testemunhas de episódios violentos em 2008 e 2009.

"Os cristãos estão assustados", afirmou o prelado - mais ainda após a reiteração posterior de Remani de que continuará com sua campanha anticristã.


Fonte: zenit.org



LEIA TAMBÉM
PAPA NA INGLATERRA: EXPECTATIVA DE MOSTRAR A BELEZA DO CATOLICISMO
MÉXICO: DEFESA DO DIREITO DE DISCORDAR DO "CASAMENTO" HOMOSSEXUAL
Comprimido inteligente começa a ser testado na Grã-Bretanha
Testemunhar a fé em Cristo na política, pede o Papa Bento XVI
Bispos do México: Adoção homossexual atenta contra ordem natural
Pena para abortos provocados por terceiros no Brasil poderia aumentar
Autoridades evacuaram Santuário de Lourdes após ameaça de bomba que resultou falsa
BENTO XVI: “DEUS TEM UM LUGAR PARA NÓS PARA SEMPRE”
EM MARIA, AS RAÍZES DA VITÓRIA SOBRE A MORTE ESTÃO NA FÉ



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.343.551
Visitas Únicas Hoje: 1.358
Usuários Online: 254