Espacojames


Página Inicial
Listar Artigos Site Aarão




Artigo N.º 4505 - POUCO TEMPO
Artigo visto 1946 vezes




Visto: 1946
Postado em: 06/03/10 às 17:37:17 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=4505
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

E rezai pelo Santo Padre: O tereis por pouco tempo! Tudo será consumado! Jesus!

Esta frase é retirada da última mensagem ao Cláudio, dia 10, passada no cenáculo. Ela trás uma advertência chocante, que nos deve preocupar deveras. Mas não para que fiquemos amedrontados ou em lamúrias e sim para que intensifiquemos as orações por ele, porque a pressão que os maus exercem sobre o trono de Pedro é imensa. Trata-se de algo avassalador, que nos é incompreensível fora da luz do cumprimento das profecias.

Noutra mensagem a ele Nossa senhora diz: Peço-vos, hoje, amados, fazer muitas penitências, mortificações, sacrifícios em favor do Santo Padre. Está agonizando, filhinhos! O Santo Padre agoniza. É o meu papa, escolhido por Deus para estes tempos difíceis. É incompreendido, sufocado e perseguido, por homens que vivem do ódio, do poder, da ganância. Rezai muito por ele. É preciso que cumpra toda a missão, que a ele foi solicitada por Deus. E ele assim o quer. Assim se propõe, com todo amor e força, mas se vê entre inimigos, que lhe armam ciladas e não lhe permitem cumprir tudo o que quer. Ama suas ovelhas com todo o ardor e a elas quer enviar suas santas mensagens, mas poucas chegam até elas. Sofre muito. Rezai, filhinhos, por vosso Santo Pastor.
 
Vejam o que está escrito em Zacarias 13, 7 Espada, levanta-te contra o meu pastor, (contra o meu companheiro - oráculo do Senhor dos exércitos). Fere o pastor, que as ovelhas sejam dispersas: Voltarei a minha mão até mesmo contra os pequenos.
 
Inúmeras profecias atuais dão conta de que esta passagem profética é dirigida ao nosso tempo, porque sem dúvida Zacarias é um profeta atual. Este pastor que ele menciona – o companheiro do Senhor dos exércitos – é sem dúvida hoje nosso querido Papa Bento XVI o pastor que será ferido em seu mandato, para que se cumpram as profecias, antigas e atuais. Quanto a isso vamos relembrar, e apresentar para os que nunca a leram esta mensagem passada ao Cláudio em 17/11/2000, e vem como profecia:
 
   Paz! Filhinhos, realmente tudo está próximo! Eis como acontecerá: tirarão Pedro do poder! Nosso Pedro! O Pedro que eu escolhi para os últimos dias. E sua nau singrará os mares bravios... E ninguém estenderá os braços.
   Só e desgovernada, a nau navega os ventos tempestuosos e as correntes bravias. Mas é Pedro, a “minha Igreja”. Navega sem rumo, sem direção, às escondidas... Mas é Pedro, a minha Igreja! E aporta finalmente no continente amigo.
    É Pedro, a minha igreja... e ali faz morada. Mas é procurada, é perseguida. E Pedro, a minha Igreja, luta bravamente, se sujeita ainda a mais maus tratos... Mas não sucumbe.
    É Pedro, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Sete meses dura seu martírio! Martírio da minha Igreja! Sete meses de horror, lutas, guerras horrendas, massacres, martírios.
    É a minha Igreja combatendo os infernos!
    É Pedro firme no seu leme. Sete meses intermináveis para muitos, mas curtos, muitíssimo curtos para milhões. Dores, angústias, cadáveres, choro, tristeza, ódio, ódio, ódio...
    É minha Igreja presente na luta, na batalha, ora aqui, ora ali. E milhares de seguidores pelo mundo afora, testemunhando-a, morrendo por ela.
    É o inferno tentando corrompê-la e destruí-la. É o rugido aterrorizante do inimigo, a urrar de porta em porta. É o caos! É o mundo em revolta. É o terror! É o medo! E milhões sucumbirão...
    É o sangue! Os mártires caindo por terra, por amor! Amor à Eucaristia! Amor ao Amor maior! Serão corações gritando amor!
    É o inimigo marcando a vida!...(Chip da besta) Está próximo, muito próximo!
    E Pedro luta desesperadamente. Bravamente! A energia lhe vem do Espírito Santo. A energia que os homens lhe negaram lhe é agora inserida com força maior pelo Espírito Santo. É Pedro lutando! É o Céu se abrindo!
    É o inferno em desespero! E milhões cairão... E corpos aos montes sobrarão!
    E Pedro segue, luta e vence! Sete meses... a batalha final... a guerra termina... o astro já machucou a terra... e sobrou a Igreja!
    E Pedro é vencedor! E entrega finalmente as chaves ao céu! Celebra o último mistério e instala com Jesus, o Novo Reino! É vencedor! E gloriosamente é arrebatado, mostrando os caminhos do Novo Reino aos seus filhinhos, à sua Igreja!
    A casa de Israel ressuscita, e de mãos dadas segue junto, ao Reino que para todos o Pai preparou.
    Portanto, filhinhos, tudo está próximo. Olhai o Papa! Olhai o Santo Papa, e, quando virdes sua nau sair por mares desertos, contai sete meses... e tudo acabará. E experimentareis, vós, os filhos da luz, o Novo Reino... para sempre!
    É necessária a luta, o amor, a guerra, a perseverança, a fé! É necessário o martírio! E vós, alguns de vós, estais convidados a receber esta coroa gloriosa do martírio.
    Eis que Jesus vem! Eis que o Pai fará novas todas as coisas (Is 65 17-24).(...)
    E a vós todos que caminhais comigo, não tenhais medo! Eu vos tenho seguros e vos protejo! Maria, Mãe do Universo! Sim, Minha Igreja... E de Jesus! Amém!
 
Vejam que esta mensagem contém muitos indicativos, que poderão definir o futuro, e que alertam para tempos e prazos. Não sabemos em que dia Bento XVI será forçado a renunciar – ou como a mensagem diz, será tirado do poder – apenas sabemos que a Carta Renuncia já está escrita, como predito em outras mensagens. Tudo pode acontecer a qualquer momento, mas pode também ainda demorar mais um tempo, um ano, dois, porque falta ele cumprir outras partes de profecias.
 
Da mensagem podemos humanamente deduzir que, depois da saída do Santo Padre, que deixará o Vaticano por absoluta impossibilidade de governar a Igreja, como deve ser e como ele gostaria de fazer, haverá sete meses de muita perseguição. O Papa terá de fugir por muitos lugares do mundo, em diferentes países, porque a fúria infernal o quer matar. E pode ser que isso aconteça no final, mas não antes de ele cumprir sua missão, que lhe foi conferida pelo próprio Deus. Mas num dado momento o Papa ficará sozinho, pois até os bons que o tentam ajudar serão forçados a calar ou mortos. Haverá sem dúvida, cardeais e bispos mortos, até entre aqueles que ajudaram a derrubar o Papa.
 
Nestes sete meses, além da perseguição ao Papa e a todos os que lhe forem fiéis, devem acontecer muita coisa, e podemos dizer que será o auge da GRANDE tribulação. Vem a perseguição aos fiéis, vem a guerra devido ao caos econômico que explodirá em breve. A guerra é praticamente inviabilizada com a queda do astro, senão os homens não iriam parar de jogar bombas uns sobre os outros até o extermínio da raça humana. Tudo isso leva a conversão do povo judeu, e o caminhar final para a chegada do Reino.
 
Mas até lá virá o caos. Como dizemos e voltamos a alertar, sem datas nem prazos. O que por hora sabemos é que estamos cumprindo os 1260 dias – hoje faltam apenas 1107 dias – conforme está em Apocalipse 12. Mas devemos atentar para o que está escrito no Capítulo 13, que nos diz que ao anticristo – na verdade todos os comandos infernais que hoje pressionam 5 Foi-lhe dada a faculdade de proferir arrogâncias e blasfêmias, e foi-lhe dado o poder de agir por quarenta e dois meses. 6 Abriu, pois, a boca em blasfêmias contra Deus, para blasfemar o seu nome, o seu tabernáculo e os habitantes do céu.
 
Mas nós não podemos dizer que estes 42 meses, ou 1260 dias sejam os mesmos que já estamos vivendo. Eles podem tanto estar correndo, como poderão começar a contar a partir do dia em que o Papa deixar o comando da Igreja. Ou poderão contar a partir do término do período atual. Deus é que sabe destas coisas. Isso quer dizer que não devemos nos preocupar com prazos e datas, primeiro porque devemos estar preparados para tudo a qualquer momento, e segundo porque nada podemos fazer para deter este processo, a não ser rezar, e rezar, e rezar, fazendo da própria vida uma oração.
 
A própria mensagem diz que Pedro vencerá no final, e venceremos com ele. Isso consta das Escrituras, e mesmo que mil infernos se desencadeiem contra o Papa Bento XVI e a Igreja Católica da qual exclusivamente ele é o CHEFE visível e terreno, ainda assim a Igreja ressurgirá. Nós sabemos igualmente que os homens que hoje comandam as ações contra o Papa – e eles não precisam estar em Roma, podem estar em nossas dioceses – também não prevalecerão contra Pedro. Aliás, eles serão sim esmagados contra a rocha!
 
O que vem antes disso é o que assusta a muitos, mas não deve amedrontar, pois já sabemos que a vitória virá com os que seguirem ao Papa Bento XVI. Devemos ter todo cuidado de não ouvir, nem seguir, nem praticar ou divulgar qualquer doutrina, ensino ou mensagem que fale mal dele, que o critique nas atitudes, ou que pretenda tirá-lo do se mandato, que é vitalício. Não sabemos se haverá a eleição de alguém, ou se um cardeal mau tomará o poder e comandará as mudanças, já que querem dirigir a Igreja de forma colegiada. Isso somente o futuro o dirá, ou termos mensagem esclarecedora. Muitos não acreditam que esta diabólica trama esteja acontecendo. Infelizmente, enquanto parte da Igreja dorme, o assassino das almas desencadeia o inferno sobre nós.
 
O fato é que os que hoje não querem ver, não querem saber dos sinais, não se preocupam com o que acontece com o Papa e com a sua Igreja, os que acham tudo normal, estes serão pegos de surpresa como Jesus previu. Virá o dilúvio de fogo, e levará a todos. E levará em especial os que tramam contra o Santo Padre, e levará aqueles que, por orgulho teológico e um soberba comparável a dos espíritos caídos – falam dos altos luminares que se dizem Igreja, bispos e cardeais, padres e doutores, teólogos e estudiosos – acabam fazendo cumprir as escrituras que tratam da apostasia, do falso profeta, da besta e do anticristo. São Paulo mostra isso na 2ª Carta as Tessalonicenses. São os apóstatas, os rebeldes, desobedientes, que com seu mau comportamento em breve desencadearão o flagelo sobre a terra. São tão sem sabedoria que não percebem serem eles os artífices.
 
Seu modernismo nefando os fez ensinar que o Apocalipse já se cumpriu e que o anticristo foi Nero. Satã durante milhares de anos, com sua equipe, bolou todo este plano, e todas estas respostas. Só não percebe que estas respostas vêm dos demônios, são somente aqueles que se vedam pelo orgulho, e que imaginam poder governar a Igreja de uma forma colegiada e “democrática”, sem a figura de Pedro que é a PEDRA fundamental. Se atentar que, apenas o que Pedro liga, se liga nos Céus e apenas o que ele desliga, também lá é desligado. Há crianças de seis ainhos que entendem isso!  Que se dirá desta gente, senão a frase de Jesus: Deus se revela aos pequenos, não aos sábios e entendidos!
 
Se fossem entendidos, eles saberiam discernir as profecias que falam do surgimento de um antipapa, diabólico, que haveria de fazer tremer a Igreja Católica. Saberiam que este homem vem como “precursor” maldito do filho das trevas; pois como está em Zacarias 11, 16 Estou pronto a suscitar nesta terra um pastor que não terá cuidado das ovelhas que perecem, não buscará as que se desgarram, não curará a que for ferida, nem alimentará a sã; mas comerá a carne das melhores e lhes arrancará as unhas. 17 Ai do mau pastor que abandona o seu rebanho! Que a espada fira o seu braço e o seu olho direito! Que seque seu braço e seja coberto de trevas o seu olho direito!
 
Este homem, meus caros, está hoje dentro do Vaticano, comanda uma claque terrível que cerceia todas as disposições do Santo Padre e que comete toda sorte de infâmia para que os católicos venham a odiar o Papa Bento XVI e a aceitarem “mudanças” na Igreja. Um espírito de terror impregna hoje o Vaticano. Hostes inimigas giram aos milhões sobre a Cúpula de São Pedro, tentando romper as últimas resistências. Já os padres exorcistas confirmaram esta técnica do inferno, que visa enlouquecer as pessoas que trabalham e vivem naqueles ambientes. Sigamos com as visões daquela mesma pessoa que escreveu o livro Os demônios no Caminho dos Filhos de Deus, que temos divulgado. Ela tem a missão de ver estas realidades com os olhos da carne, para alertar o mundo sobre os poderes do inferno. Assim ela descreve:
 
Desde o ano passado, pude observar por muito tempo uma nuvem negra que ia sempre mais baixando para a terra. Vou relatar tudo a você a pedido de Nossa Senhora. Esta nuvem baixava sobre o Vaticano. Nesta nuvem estavam incontáveis demônios negros, com rabo em forma de flecha, com chifres etc... Davam gargalhadas infernais e se movimentavam rapidamente em círculo, com as garras firmes uns nos outros. Às vezes giravam com tanta violência que se soltavam nas garras, jogando o corpo para trás entre gargalhadas aterrorizantes. Logo se recompunham naquela louca ciranda e continuavam a dar giros olhando sempre para baixo. E esta nuvem negra, na qual eles se encontravam, estava no inicio a apenas alguns metros da cúpula de São Pedro.

Mas isso foi por poucos dias. Depois, lentamente, mas diariamente esta nuvem negra e cheia de demônios começou a descer, chegando então à cúpula e permaneceram assim por alguns dias como querendo invadi-la. Porém, por algum motivo, eles tinham grande dificuldade em fazê-lo. Uma força ainda os impedia – certamente o Papa – de realizar esta maléfica ação. Até que num certo dia começaram a adentrá-la e aos poucos, cada dia mais esta nuvem cheia de espíritos infernais girando sempre conseguiu entrar. Sempre girando em círculos, iam já cobrindo as paredes de negror, para minha aflição.


E dentro de poucos dias, tanto desceram que começaram a chegar à altura das cabeças das pessoas que se encontravam ali, e o avanço diário da nuvem era visível. Depois que os demônios adentraram e venceram a força que estava na cúpula maior, se espalharam por dentro do recinto e iam cobrindo todas as coisas. Vi que eles começavam a cobrir de trevas, também a cadeira do Santo Padre, o trono de Pedro. Também já o pescoço das pessoas, depois o peito, a cintura, as pernas... E só sobraram os pés das pessoas fora desta escuridão. E no fim, poucos pés daqueles que ali estavam, ainda se podiam ver.


Após alguns dias, também a cadeira de Pedro estava coberta com aquela nuvem, densa e negra, e já se podia ver somente um pedacinho dos pés desta cadeira fora da escuridão. E tal foi que, já alguns dias antes da morte de João Paulo II, tudo estava tomado de uma completa escuridão. Ela cobriu por inteiro a cadeira de Pedro, nenhuma luz mais, só trevas... Escuridão terrível, nada se podia ver, nada! Sequer uma pequenina luz! E logo também fora, na praça, tudo começou a se cobrir de escuridão!


 E Nosso Senhor me explicou que, primeiro a escuridão se faz sentir na Igreja, depois no mundo. Por isso a fumaça negra, que já invadiu no todo, a Santa Igreja, começou a sair já “pelas frestas e pelos batentes”, saindo por baixo das portas do Vaticano. E se dentro da Igreja brilha ainda uma pequena luz é uma falsa luz. Mas como já falei em outra visão, ainda permanecem na Igreja algumas pessoas a rezar, de joelhos, e está é ainda uma luz verdadeira que ilumina seus caminhos e que sustêm ainda os Sacrários da terra. Isso apesar de satanás estar ali, ao lado deles, tentando desde já destruí-los e aniquilá-los!


Em tudo vemos que na verdade, segundo palavras de Nosso Senhor “as trevas já se fazem presentes no mundo”. A purificação por hora se faz apenas em nível espiritual – o que já vem acontecendo desde algum tempo – assim como primeiro veio o exército dos demônios e depois virá o exército físico, dos homens, a agir pelo comando dos demônios. Hoje o que acontece no planeta, quanto aos quatro elementos da natureza, terra, ar, água e fogo, não é nada ainda, é sim um simples “tira gosto” diante daquilo que acontecerá, quando estes mesmos elementos forem entregues nas mãos dos anjos caídos. Isso começará a explodir aos poucos após a saída do Papa. Muitas vezes o bom Deus tem me permitido ver algumas destas ações. Mas porque Ele nos ama demais, sempre espera que os Seus filhos acordem e voltem para Ele.
Fim.
 
Numa mensagem ditada ao Cláudio pela morte do Papa João Paulo II, mas que também é voltada para Bento XVI que cumpre fielmente o Catecismo, a Doutrina daquele Papa, é possível esclarecer outras coisas que agora acontecem. De fato muitos católicos se negam simplesmente a acreditar que a Igreja possa estar em tal perigo. Outros milhares vêem o que acontece, mas não conseguem reagir, nem mesmo rezar. Então preferem enterrar a cabeça na areia e esperar que a tempestade passe. Mas não passará sem deixar o mundo cacos desta vez. Porque será a última e decisiva vez. Eis parte da mensagem. O mesmo que antes acontecia com João Paulo II acontece com Bento XVI. E seu fim será o mesmo. Aqui Jesus revela as sutilezas e tramas dos inimigos da Igreja e de Deus. De dentro dela! Assim será que, por um tempo....
 
As trevas brilharão mais que a luz, não por brilho interior, pois não o tem, mas pela luz dos holofotes de seus escultores... Os líderes das trevas ainda são fantoches de seus escultores... Estes – os escultores – são os que se escondem sob lindas máscaras e seu papel é contagiar, e assim, com seu poder persuasivo, maquiavélico, sua sabedoria inebriante, colocar a seus pés e fazê-los súditos, os filhos de toda a humanidade... E este bote é direcionado especialmente aos filhos de Deus! E só estes – não todos – mas só dentre estes (filhos de Deus) existirão os que verão a diferença entre a luz que vem do interior e a luz forjada por holofotes! Estes verão a Deus ainda aqui... E por isso mesmo terão e encontrarão forças para as batalhas sangrentas que se seguirão...
 
O Trono será colocado de mão em mão por muito tempo – não, porém, por tempo desgastante – e nenhum destes que acenarão o cetro, terão o poder nas mãos, pois o verdadeiro poder vem das trevas... A luz verdadeira será confundida, coberta e abafada pela luz artificial e mentirosa, de tal forma que só os verdadeiros filhos da verdadeira luz: os filhos de Deus poderão ver e sentir a diferença! O trono de mão em mão significa que cada bispo seguirá sua própria doutrina, fará sua própria igreja particular e assim cada padre. Mas sempre haverá famílias santas, que se manterão na verdadeira luz, e estas perceberão os ardis dos escultores da catástrofe. Elas sustentarão a Igreja.
 
Isso nos faz ter uma idéia, ainda que pálida, dos sofrimentos que o Papa está enfrentando neste momento para tentar governar a Igreja. Ele é destemido, valente, não tem medo dos lobos que uivam ao seu redor e mais que isso, levará a te o fim a missão que lhe foi dada por Deus. Ele foi o escolhido para este tempo. Homem de ferro, decidido, inquebrantável, ele somente abrirá espaço para o antipapa, quando assim Deus o decidir. Certamente ele será avisado pelos anjos, e então terá de sair pelo mundo. Naquele dia o Vaticano inteiro se tingirá de vermelho. Mantos vermelhos de tinta, lavados em sangue.
 
Por isso eis por que o profeta Zacarias continua em seus vaticínios em 13, 8 Em toda a terra - oráculo do Senhor - dois terços dos habitantes serão exterminados e um terço subsistirá. 9 Mas farei passar este terço pelo fogo; purificá-lo-ei como se purifica a prata, prová-lo-ei como se prova o ouro. Então ele invocará o meu nome, eu o ouvirei, e direi: Este é o meu povo; e ele responderá: O Senhor é o meu Deus. E pagarão bons e maus, uns porque deixaram de rezar e agir em tempo, permitindo que o inimigo avançasse tanto, os maus porque se aliaram às trevas para seu último combate contra Deus.
 
Duas causas em especial, hoje em dia, são como vermes que corroem a base do sistema mundial, e que farão que ele desabe. Uma terceira causa contribui decisivamente para que isso aconteça, pois tem forças para evitar o caos, mas por inércia se alia as duas primeiras. As duas causas da ruína do mundo são a diabólica pressão pela causa gay, com todas as suas variantes, e a pressão pela provação do aborto, em todo mundo.
 
De fato, em praticamente todos os parlamentos da terra hoje se luta para provar tudo que discrimine, ou considere pecaminoso, vindo da união homossexual. Também se busca de todas as formas, não somente despenalizar o aborto, mas aprová-lo em circunstâncias cada vez mais próximas do parto, para que deixe de ser este um crime. Eis os dois pecados mais hediondos, que aspergem sangue contra os céus, e fazem tremer os anjos e a corte celeste. Até mesmo o abismo infrene sabe e pressente do que acontecerá ao homem, devido a estes dois desafios diretos lançados contra a face de Deus Altíssimo.
 
A terceira força, que poderia derrubar as duas primeiras, mas que por inércia se alia aos comandos do abismo é a Igreja católica, pelas mãos dos rebeldes, dos amotinados, dos desobedientes acima de tudo. Se a Igreja Católica tivesse reagido a tempo, se todos nós pegássemos nossos Terços, se rezássemos todos, o Rosário em família, diariamente, jamais aquelas duas causas avançariam sobre nossas famílias. Porque o que está em jogo é realmente a família cristã, cujos alicerces estão sendo minados pelas forças do mal. Isso porque ambos os casos visas destruir a vida humana, este o projeto de satanás.
 
Por isso, eu pessoalmente penso que depois da saída do Papa é que acontecerá o grande caos. Agora mesmo acabei de receber algumas fotos da Austrália, sobre o que está ocorrendo lá, com mais de 300 mortos queimados. Cidades inteiras se foram. Montanhas e florestas consumidas, por chamas que se elevam a centenas de metros. Densas nuvens de fumaça invadem as cidades quase impossibilitando a vida. Mas vejam> Austrália das gigantescas paradas gays! Do sexo homossexual em público, sobre carros alegóricos. Já o fogo lambeu Sidney por algumas vezes, aguarde Sidney, para a língua de fogo quer lamberá teu resto. Ai de quem mora ali, e aprova tudo aquilo.
 
De fato, por causa destes três males em especial, todo o mundo virará um dia outra Austrália, outra Califórnia de hoje. Neste dia o homem entenderá que Deus abomina tudo isso e que nenhum destes desafios ficará impune. Falei em 300 queimados? Que tal um dia vermos 300 milhões de queimados? Dirão que Deus é cruel em permitir isso? Acaso o homem já olhou para a crueldade a que são submetidos os pequeninos abortados nos ventres de suas mães? Queimados com ácidos? Quem á mais cruel?
 
Virão doenças horrendas para atingir notadamente aos que praticam atos homossexuais. Os profetas atuais dos EUA têm falado sobre isso, e não demora. Haverá em breve gente podre andando nas ruas, com um fedor tão insuportável que terão de ser banidos para longe da comunidade, como os antigos leprosos. E não haverá cura. Obama, como já disse, acabou de abrir o abismo sobre seu país e sobre o mundo. Logo os demônios que ele permitiu se espalharem sobre a terra provocarão estas doenças, seu germe já cresce.
 
Fogo espontâneo incendiará sem causa, tanto certas clínicas de aborto, como os vivos que nelas trabalham. A mesma coisa acontecerá – como agora na Austrália – com muitas casas onde se pratica a mais podre das imundícias. Como disse: o bacilo já se espalha! O rastilho de fogo já foi aceso. O homem o acendeu, não Deus!
 
Não tem mais cura, nada de humano reverte mais este processo. Como mensagem disse: por um tempo as forças do mal comandarão o mundo! Não por tempo desgastante, porque Deus vai preservar uma semente, não fosse assim o homem se exterminaria.
 
Aos terços, pois, ao Rosário diário em família, pelo menos os pais, para que elas sejam postas sob o Manto de Maria. Debaixo dele há lugar para 1/3 parte da humanidade. Os 2/3 restantes, os descrentes e não filhos, estes ficam na conta do profeta Zacarias.
 
Rezemos pelo Papa. Cada dia com ele no Vaticano é uma bênção. Sem ele virá o caos!
 
Aarão


www.recadosaarao.com.br

 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 6.651.349
Visitas Únicas Hoje: 2.290
Usuários Online: 553