Espacojames


Página Inicial
Listar Artigos Site Aarão




Artigo N.º 4524 - NÚMERO DA BESTA - Palavras de Nossa Senhora
Artigo visto 2274 vezes




Visto: 2274
Postado em: 08/03/10 às 14:32:55 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=4524
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

Seguem uma das centenas de mensagens de Nossa Senhora, passadas ao Padre Stefano Gobbi do Movimento Sacerdotal Mariano. Durante todo o ano de 1989 a Mãezinha concentrou as mensagens voltadas para os Capítulos 12 e 13 do Apocalipse, e efetivamente nunca me foi possível encontrar explicação mais lógica para o número 666.

Na verdade, aqui ela sintetiza o grande fulcro da profecia, mostrando a forma como tal monstro se formou através dos séculos. O número, a marca em si, nos já explicamos o que quer dizer, quando falamos do chip de domínio da besta.

Vale reforçar aqui, que somente é perigoso e não deve ser aceito, aquele chip colocado nas costas da mão direita e na testa das pessoas, significando vontade, trabalho e inteligência a favor da fera. Ou seja: aceito livremente, sabendo do que significa! Os chip colocados em cartões de crédito ou outros locais do corpo não precisam ser temidos. Embora todo o processo seja ardiloso e odioso e quanto mais longe dele melhor.

Contra esta marca infernal temos a Benção da Cruz, que anula os efeitos daquela e protege contra os inimigos de Deus.

Milão, 17 de junho de 1989



· “Meus amados filhos, vocês agora entendem o plano da sua Mãe celeste, a Mulher Vestida com o Sol, que com o seu exército, está engajada na luta contra todas as forças do mal, a fim de alcançar a sua grande vitória na perfeita glorificação da Santíssima Trindade”.

· Juntem-se a Mim na batalha, filhinhos, contra o Dragão, que procura voltar a humanidade contra Deus.

· Juntem-se a Mim na batalha, filhinhos, contra a besta negra Maçonaria, que procura levar as almas para a perdição.

· Juntem-se a Mim na batalha, filhinhos, contra a besta feito cordeiro, Maçonaria infiltrada no interior da vida eclesiástica a fim de destruir Cristo e Sua Igreja. Para conseguir tal intento, ela procura construir um novo ídolo, a saber, falso cristo e a falsa igreja.

· A Maçonaria eclesiástica recebe ordens e poderes de várias lojas Maçônicas e trabalha para levar todos secretamente para se tornarem parte destas seitas secretas. Assim ela estimula os ambiciosos com o prospecto de carreiras fáceis; ela acumula de bens aqueles famintos por dinheiro; ela apóia seus membros a se destacarem dos demais e para ocupar as posições mais importantes enquanto isola , de uma maneira sutil, porém decisiva, todos aqueles que se recusam a fazer parte de seus desígnios. De fato, a besta com a aparência de cordeiro exerce todo o seu poder da primeira besta, na sua presença, e ela força a terra e todos os seus habitantes a adorar a primeira besta.

· A Maçonaria eclesiástica ousa até a construir uma estátua em honra da besta e forçar todos a adorá-la.

· Porém, de acordo com o Primeiro Mandamento da Santa Lei do Senhor, apenas Deus deve ser adorado e somente a Ele todas as formas de adoração devem ser dedicadas. Por isso eles procuram substituir o Deus por um ídolo forte, poderoso e dominante. Um ídolo tão poderoso que ele põe à morte todos aqueles que se recusam a adorar a estátua da besta. Um ídolo tão forte e dominador que causa a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, a receberem a marca na mão direita e na sua fronte, e que ninguém possa comprar ou vender sem ter sua marca, isto é, o nome da besta ou o número do seu nome. Este grande ídolo, construído para ser servido e adorado por todos, como eu já revelei a vocês nas mensagens precedentes, é um falso cristo e uma falsa igreja.

· Mas qual é o seu nome?

· No décimo terceiro capítulo do Apocalipse está escrito, “Esta chamada à sabedoria. Deixe que os que têm conhecimento reconheça o número da besta: ele representa um nome humano. E o número em questão é 666 (seiscentos sessenta e seis). Com inteligência, iluminado pela luz da divina Sabedoria, o homem pode decifrar do número 666, o nome do homem e este nome, indicado por tal número, que é o de Anticristo.

· Lúcifer a antiga serpente, o demônio ou Satanás, o Dragão Vermelho, torna-se nestes últimos tempos, o Anticristo. O Apóstolo João já afirmou que qualquer pessoa que nega que Jesus Cristo é Deus, esta é o Anticristo. A estátua do ídolo, construída em honra da besta para ser adorada por todos os homens, é o Anticristo.

· Calcule agora o seu número, 666, para entender como ele indica o nome de um homem. O número 333, indica a divindade. Lúcifer se rebela contra Deus através do orgulho, porque ele quer se colocar acima de Deus. 333 é o número que indica o mistério de Deus. Ele quer se colocar acima de Deus, carrega o símbolo 666, e conseqüentemente este número indica o nome do Lúcifer, Satanás, isto é, ele que se volta contra Cristo, o número de Anticristo.

· 333 indicado uma vez, isto é, pela primeira vez, expressa o mistério da unidade de Deus, 333 indicado duas vezes, isto é, pela segunda vez, indica duas naturezas, aquela do divino e do humano, unidas na Pessoa Divina de Jesus Cristo. 333 indicado três vezes, isto é, pela terceira vez, indica o mistério das Três Pessoas Divinas, isto é, ele expressa o mistério da Santíssima Trindade. Portanto, o número 333, expresso uma, duas, e três vezes indicam os principais mistérios da Fé Católica que são: (1) A Unidade e Trindade de Deus, (2) a Encarnação, a Paixão e Morte e a Ressurreição do Nosso Senhor Jesus Cristo.

· Se 333 é o número que indica a divindade, aquele que quer se colocar acima de Deus se refere pelo número 666.

· 666 indicado uma vez, isto é, pela primeira vez, expressa o ano 666. Neste período da história, o Anticristo é manifesto através do fenômeno do Islamismo, que nega diretamente o mistério da Divina Trindade e a divindade do Nosso Senhor Jesus Cristo. O Islamismo, com a sua força militar, penetra em todo o lugar, destruindo todas as velhas comunidades Cristãs e invade a Europa e é somente através da minha extraordinária intervenção maternal, rogada poderosamente pelo Santo Padre, que ele (o Islamismo) não teve êxito em destruir completamente o Cristianismo.

· 666 indicado duas vezes, isto é, pela segunda vez, expressa o ano 1332. Neste período da história, o Anticristo é manifesto através de um ataque radical na palavra (Palora) de Deus. Através dos filósofos que começam a dar valor exclusivo à ciência e então à razão, há uma tendência gradual de se constituir somente inteligência humana como o único critério da verdade. Nasce assim o grande erro filosófico que continua através dos séculos até os seus dias. A importância exagerada dada à razão, como um critério exclusivo da verdade, inevitavelmente leva à destruição da fé na palavra (Parola) de Deus. De fato, com a Reforma Protestante, a Tradição é rejeitada como fonte da divina revelação, e apenas a Escritura Sagrada é aceita. Porém mesmo esta deve ser interpretada por meio da razão, e o autêntico Magistério da Igreja hierárquica, para o qual Cristo confiou a guarda do depósito da fé, é obstinadamente rejeitada. Cada um é livre para ler e entender a Sagrada Escritura de acordo com a interpretação pessoal. Deste modo, a fé na palavra (Parola) de Deus é destruída. O trabalho de Anticristo, neste período da história, é a divisão da Igreja e a conseqüente formação das novas e numerosas confissões cristãs que gradualmente tornam-se estimuladores da perda cada vez maior da verdadeira palavra (Parole) de Deus.

· 666 indicado três vezes, isto é, pela terceira vez, expressa o ano de 1998. Neste período da história,  a Franco-Maçonaria, apoiada por sua forma eclesiástica terá êxito no seu grande desígnio: a de levantar um ídolo para ser colocado no lugar de Cristo e da Sua Igreja. Um falso cristo e uma falsa igreja. Conseqüentemente, a estátua construída em honra da primeira besta, para ser adorada por todos os habitantes da terra, e que selará com a sua marca todos aqueles que querem comprar ou vender, é aquela do Anticristo. Vocês portanto, chegaram ao cume da purificação, da grande tribulação e da apostasia. A apostasia será, como então, generalizada, pois quase todos seguirão o falso cristo e a falsa igreja. Então a porta será aberta ou o aparecimento do homem ou do próprio Anticristo!

· É por isso que, meus amados filhos, quero iluminá-los com relação às páginas do Apocalipse que se referem aos tempos que vocês já estão vivendo. Tudo isto é para prepará-los comigo, para a mais dolorosa e decisiva parte da grande luta que está a ponto de se iniciar entre a Sua Mãe celeste e as forças do mal que foram libertadas.

· Tenham coragem! Sejam fortes, meus filhinhos. A vocês recaem o dever, nestes anos de dificuldade, de manterem-se fiéis ao Cristo, à sua Igreja, suportando hostilidades, lutas e perseguições. Mas vocês são uma parte preciosa do pequeno floco, que têm o dever de combater e no fim, conquistar a força poderosa do Anticristo.

· Estou portanto formando todos vocês, defendendo-os e abençoando-os.”



www.recadosaarao.com.br

 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 6.682.132
Visitas Únicas Hoje: 2.220
Usuários Online: 548