Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.272.785
Visitas Únicas Hoje: 2.345
Usuários Online: 414
Sistema de Busca

 

Artigos Site Aarão
Aqui estão relacionados alguns dos artigos extraídos do site www.recados.aarao.nom.br, site do Sr. Arnaldo que com inspiração divina, colocam matérias belíssimas que nos aproximam do amor de Deus e nos conduz à salvação.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1875 - Impresso: 44 - Enviado: 15 - Salvo em Word: 34
Postado em: 13/05/10 às 17:52:52 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=5124
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

Está em Ezequiel 7, 1 A palavra do Senhor foi-me dirigida nestes termos: 2 filho do homem, oráculo do Senhor à terra de Israel: eis o fim. O fim vem para todos os quatro cantos da terra. Este capítulo nós usaremos durante o correr deste trabalho.

Como já podeis observar há sinais em todos os lugares da terra que prenunciam a mudança que acontecerá no mundo. A terra, já um tanto fora de seu eixo, começa a dar sinais de morte... Sim, a terra morre e morre aos poucos! Outros terremotos, vulcões, tsunamis e desabamentos ainda maiores acontecerão deslocando ainda mais a terra e consequentemente a desviando de sua rota! Haverá o caos! A Confusão! A dor!
 
Este texto acima é extraído das últimas mensagens ao Cláudio, eu o coloco como abertura para direcionar este novo artigo, onde busco apontar outros sinais de morte, até encaixando nos sete sinais do fim, que Jesus apontou nas Escrituras. De fato, a terra morre aos poucos, e os sinais desta morte estão explodindo por todos os lados, em todos os países e em todos os sentidos.
 
E atingindo a todos, embora a imensa maioria da humanidade, de nada se aperceba. Desde a natureza aviltada e agredida pelo homem, até os governos já desumanos, diabólicos; desde a moral que desaba até a fé que morre, nada mais escapa aos efeitos perniciosos deste verdadeiro hálito de morte que impregna nosso planeta. São inúmeros os sinais que mostram o fim, mas vamos nos ater a apenas sete deles, para não alongar demais o texto.
 
1 - As famílias > A família é a célula mãe da sociedade, é fundada e querida por Deus, que a ama com amor infinito. Como um corpo é constituído de átomos, que formam as moléculas, que formam células e que se unem para formar o todo, também a sociedade formada por pessoas reunidas na célula mãe e formadora desta sociedade. O núcleo da sociedade precisa estar centralizado na família – digo melhor na família cristã – para que o todo, o corpo da sociedade se mantenha saudável, e em continuidade viva. Se um dia a humanidade entregar a formação da família ao estado corrompido, estará dinamitando o edifício social, pois construído apenas sobre escolhos e refugos. Será o reino de Lúcifer!
 
Assim, cedo o demônio logo percebeu que, atingindo as famílias, atingia duplamente o coração de Deus. Primeiro porque demolia com algo que o Pai preza acima de tudo, e segundo, porque destruindo a família rasgaria em mil pedaços todo o tecido social. E vejam que não existe outra fórmula de manter uma localidade em paz, menos ainda um estado e uma nação – nem se fala do mundo inteiro – se as famílias estiverem destruídas. Sem este fator de agregação fortíssimo, os elos da cadeia se rompem como um fio apodrecido! E com isso a sociedade desaba em cascata como efeito de dominó.
 
Uma das maiores vitórias do demônio sobre esta sociedade em degradação, foi com toda certeza – insisto nisso e não abro – retirar a mulher, a mãe, de dentro de seu lar como esteio, de junto de seu marido, e de perto de seus filhos. Do único lugar onde ela pode formar a sociedade e dirigir o mundo. Como? Formando seus dirigentes! Por qual motivo o mundo está quase completamente nas mãos dos maus dirigentes? Porque foram criados ao léu, mais pelos ditames e regras podres da sociedade moderna, e não mais por santas mães, a exemplo de Maria. 
  
O demônio conseguiu fazer a mulher aborrecer-se de sua função quase divina, e mesmo odiar sua condição humana, desvirtuando o projeto mil vezes maior que Deus tinha e tem para ela. E a mulher pensou libertar-se de sua pseudo-escravidão, para tornar-se agora realmente escrava de uma quádrupla jornada diária: o trabalho fora, a casa, os filhos, o marido. Para cumprir mal a todos! Para não mais ter tempo de oração! E tudo o que ela foi buscar fora de casa foi para sua ruína. Seu salário serviu apenas para comprar o supérfluo, para mais pinturas, mais vestidos e sapatos, mais enfeitar-se para o mundo, menos para Deus. Nada para enfeitar a alma de seus maridos e filhos! O mundo desaba, por causa da ruína da mulher! Coisificada e infeliz. (Nem todas é claro)
 
Então veio o divórcio, veio o casamento homossexual, veio o ficar sem compromisso, veio a prostituição exacerbada, e talvez o pior de tudo isso, veio o aborto – porque dizem, a mulher é dona de seu corpo – tingindo de sangue o mundo, e enchendo rios e mares com células vivas, corações ainda pulsando, e gritos, bilhões de gritos a troar diante do trono do Deus Altíssimo. Com este arsenal de desgraças, é de admirar que o demônio ainda não tenha conseguido destruir o mundo, e se não fez ainda é porque algumas famílias cristãs restam – e algumas santas mães de família restam – que com suas orações e seus Rosários em punho, acabrunham as ações do exército das trevas, que comanda a todos os que pugnam para difundir estes males. Falta apenas executar o último projeto de satanás pelo anticristo: transformar os casais em fornecedores de filhos, para que o estado, ao soldo do demônio os eduque e satanize. Vamos a isso! 
 
2 – Os governos > O segundo sinal da morte desta civilização, parte dos governos, de toda a terra – e quase sem exceção – que se rendem ao domínio da fera, seja pela pressão de empréstimos e endividamentos, seja pela imposição taxativa dos malignos conceitos da modernidade. Destruída a família, regidos por princípios imorais e por leis iníquas, os filhos mal formados em casa tornaram-se os maus governantes das nações.  Devido a esta má formação, a corrupção se tornou de tal forma endêmica, que nenhuma nação pode exibir o troféu de integridade, porque antes que eleve o tom de seu ufanismo, já explodem os escândalos! Explodem a roubalheira, os conchavos, as manobras vis, que não mais se voltam para o bem estar da sociedade nem a vida decente dos cidadãos, mas sim para o deleite de alguns celerados, mentirosos, antes facínoras e guerrilheiros, sejam eles de que partido forem, maus são quase todos.
 
De fato, como nunca antes em todos os tempos, se pode notar o trabalho furioso dos chamados demônios das nações, encarregados de cegar e obstruir as mentes dos seus chefes, para que se tornem fiéis executores dos projetos de Lúcifer. Vemos aí estes grandes líderes mundiais falando em paz, quando na verdade programam a mais terrível de todas as guerras. No mesmo curso, a besta formaliza os seus blocos de nações em torno de um governante regional, de modo a cumprir as 10 cabeças da fera, que irá triturar nações com dentes de ferro. Não mais pátria, não mais identidade e princípios comuns, apenas a cega obediência ao senhor das trevas. Vamos a isso! 
 
3 – O orgulho > Vício incurável dos demônios, mais do que pecado e mais do que uma simples ofensa a Deus, hoje como nunca o orgulho tem tomado o coração dos homens, a tal ponto de cegá-los completamente. Orgulho do ser mais, do poder, e do saber, a idolatria do homem pelo próprio homem – e do homem por si mesmo – a fama, a busca insana do poder para se sobrepor, e mandar, e mais que isso escravizar, e mais que isso o direito até mesmo de dispor sobre a vida das pessoas, eis o que move o coração de imensidades de pessoas. Este verme maldito, que teve origem em Lúcifer, tem plantado raízes nas almas, e ensandece e enlouquece os homens, de tal modo que já se julgam deuses, maiores até mesmo do que o próprio Deus.
 
Certo é que o homem desde sempre procurou isso e Eva deu o primeiro passo, entre a humanidade. O homem orgulhoso vai galgando a montanha da condenação passo a passo, e de tal forma o inebriam os ventos das alturas, que agora chega às bordas do abismo, já completamente cego. Falta apenas um passo! O orgulhoso de fato não aceita Deus. Ele começa sua caminhada de morte, na medida em que minimiza o Poder do Altíssimo, em que diminui, sempre mais e mais, a Sabedoria Infinita, a Perfeição Suprema, Daquele que É, o princípio e o fim de todas as coisas. E quanto mais diminui os infinitos atributos de Bem de Deus, mais maximiza seus próprios atributos, e eis o novo deus que não escuta mais ninguém, apenas a si mesmo. Este o propósito da Nova Era, caminhamos para a religião do inimigo de Deus.
 
4 – A ganância > Profecias antigas davam conta, de que nos dias do fim, o homem extrairia da terra todos os recursos possíveis, criados e postos ali por Deus para servir ao homem enquanto aqui houvesse vida humana. A extração destes recursos, sempre finitos, e a partir deles com a criação de infinitos bens de consumo, tem levado a humanidade a acumular uma riqueza tão imensa, que as calculadoras existentes já não conseguem mais lidar com tais números. Mais do que isso, e pior que isso, esta riqueza toda está migrando rapidamente para as mãos de cada vez menos pessoas, de modo a formar patrimônios inauditos, que ultrapassam em milhares de vezes os números daqueles “mais ricos do mundo” que a revista Forbes publica anualmente. Nada mais consegue parar o homem em sua busca desenfreada pela riqueza.
 
Na semana passada um amigo me mandou a proposta de “compra” - mandou como uma brincadeira, mas em cima de um fato real – que me fez fazer certos cálculos, apenas para explicar até onde chega a loucura humana. Disse-me ele que dias atrás um xeique árabe, colocou a venda um título do tesouro americano, no valor de 3 trilhões de dólares. Que volume dá isso? Se eu colocar no chão uma nota de um dólar ao pé da outra, poderia dar 112 voltas na terra. Mas o título está a venda com um deságio de 97%. Eu não duvido hoje que tais coisas existam. Isso significa que se eu tivesse 90 bilhões de dólares à vista, poderia ser dono daquele título. Então eu fiz uma conta – não se a máquina acertou – levando em conta os 650 dias que nos faltam para a chegada do anticristo, onde todo o dinheiro será abolido, sendo substituído pela marca da besta.
 
Pois bem, para torrar estes três trilhões de dólares, eu precisaria conseguir gastar 46,1 bilhões de dólares por dia, isso sem gastar em compra e nada, porque de nada adiantaria. E mesmo se eu tivesse apenas os 90 bilhões, eu teria de gastar 138 milhões de dólares diariamente, para chegar de caixa vazio no dia do anticristo. Que faz um homem com tanto dinheiro? Nada que salve sua alma! Nada que compre um minuto de vida! Nada que compre a felicidade plena e verdadeira! É então um verme e não sabe! É um mendigo, um farrapo humano sem vida da alma. Mas o homem busca isso! Alucinadamente! Sem pensar nas conseqüências! Haverá tolo maior?
 
5 – A moral > Naturalmente que, numa sociedade onde tudo se desagrega, a primeira coisa que toma este curso é a moral. Com as famílias em trapos, os governos em pandarecos, com o orgulho explodindo os corações e a ganância descontrolada, levando os homens a insanidade plena, a moral deste povo fatalmente estará em abismos.  Existe uma Lei Universal gravada fundo nos coração dos seres inteligentes – dos homens somente – a lei natural, que deve reger os princípios da vida humana. Os seres inteligentes sabem que não devem roubar, nem matar, nem trair, fornicar ou mentir. Mas estes são apenas pecados de alta linha, que levam aos milhares de outros, em todos os sentidos. Tudo isso é proibido e sintetizado nos 10 mandamentos da lei de Deus, e jamais deve ser desobedecido, caso uma sociedade queira subsistir.
 
Que fizeram os homens? Substituíram a palavra moral – a que vem de Deus e de seus princípios pétreos – por certa “ética”, que permite escamotear a moral e até mesmo se colocar no lugar dela, com ares de beatitude. Você pode roubar, desde que eticamente! Pode atraiçoar, mas sempre eticamente! Pode mentir, mentir e mentir eticamente, porque de duas uma: ou você é desculpado por uma sociedade já devassa, ou pode comprar sua sentença, há quem a venda por dinheiro. As Escrituras falam que chegaríamos a este tempo, onde a justiça seria comprada, as consciências idem. Nosso pobre país tem uma vasta lista de aplicativos neste sentido, afinal é um dos países mais “éticos” do mundo. Aqui o deputado de um castelo de milhões de reais não declarado no IR é absolvido por falta de provas. Adivinha em que “ético” este deputado votará na hora de formular as leis? Assim a sociedade já está podre e fede, e com isso morre apenas acha que vive. 
 
Enfim, para a sociedade moderna o pecado morreu, e vale tudo, desde que se seja feliz. Dizem até certos sacerdotes – que Deus tenha piedade das almas deles – que o pecado é uma lenda medieval, inventada por padres caducos para amedrontar as pessoas. Vale então ser homossexual atuante, desde que seja união estável. Vale ser traficante, desde que seja feliz! Vale ser adúltero, desde que seja por amor! Vale ser pedófilo, desde que seja feito com inocência. Vale abortar um nascituro, porque a mulher tem direitos sobre seu corpo. Vale tudo! Deus perdoa tudo, até para quem não pede perdão e no fim todos vão para o Céu, porque Deus não castiga! E fazem de palhaço a este Jesus louco, que deu sua vida para nos libertar da morte, pelo pecado!   
 
6 – A apostasia > Desde os séculos idos está predito que no final dos tempos, uma avassaladora apostasia tomaria vulto em todo mundo, especialmente na Igreja Católica, que levaria milhares de pessoas até mesmo a rejeitarem o seu batismo. O mal maior é o que está dentro da Igreja, disse ontem o Santo padre, em viagem a Fátima. Ele fala por meias palavras mas nas entrelinhas ele está a denunciar a segunda besta do Apocalipse, que é sem dúvida alguma o grande alvo do Terceiro Segredo de Fátima. Que, senão agora nesta viagem, ainda um dia Sua Santidade o revelará. Eis ai a fonte da apostasia!
 
Os santos profetas, desde milênios advertem sobre isso! Entretanto a cegueira aberrante de muitos, dentre nosso clero se nega, até as mais nefastas conseqüências a aceitar que já vivemos este tempo. Os templos se esvaziam como balões furados, e já em alguns países vendem-se igrejas e terras, por absoluta falta de fiéis. Noutros locais, se esvaziam os seminários, por absoluta falta de vocações. E quando há santas vocações a inépcia dos métodos de formação sacerdotal, de duas uma: ou transforma o jovem num sacerdote herege, ou trucida com o jovem, esmagando-o com teologias absurdas que não procedem de Deus. E estes é que vão pastorear o rebanho do senhor! Para onde? Para o abismo, tornam-se os guias cegos conduzindo cegos, como disse Jesus! Ainda agora, por exemplo, a dita conferência em reunião aprovou a continuidade dos atuais métodos de evangelização no Brasil. Pobre rebanho! Pobre Brasil!
 
Na Igreja católica, tudo isso é fruto da má catequese que se ministra, em quase todas as paróquias e dioceses do mundo, com ideologia voltada para o social, para a solução de problemas de miséria e pobreza, ou problemas políticos e assuntos voltados para o mundo. E a busca da pátria celeste passa a ser um mero artifício, um simbolismo, porque basta fazer caridade e o céu é de todos. Traficante faz caridade! Espírita faz caridades! Maçônicos fazem caridades! Mas nenhum destes conduz para Deus, que abomina a este tipo de falsa caridade. Em síntese, o homem se planta no lugar de Deus, estabelece princípios humanos para sua lei particular, e assim cada homem se faz deus de si próprio, e adora-se insanamente, quando não passa de um verme. E louco!
 
7 – A mentira > Deixei de propósito este item por último, exatamente para que o leitor perceba que, em todos os anteriores o fulcro central tem base na mentira. Como já escrevi em outros textos, vivemos hoje o império da mentira. A mentira generalizada se tornou dogma e mente-se descarada e cinicamente, como ares deslavados de verdade. E tal é o avanço desta loucura, que hoje se inverteu o sentido da moral, tal que ser bom virou sinônimo de ser tolo! Ser honesto virou sinônimo de ser bobo! Ser justo é tolice, vale se dar bem na vida! E chegou-se ao absurdo onde realmente as pessoas têm vergonha de serem bons, honestos e justos! Mente-se na política como nunca! Mente-se na sociedade em todos os escalões! Mente-se nas estatísticas, nas pesquisas, e quando o homem aceita tudo isso, já vive o império de Lúcifer! E acha bom!
 
Porque, a mentira vem do mentiroso, vem de satanás. Ele foi o inventor desta tática perfeita de colocar almas no inferno, pois começou por ele mesmo. A mentira virou lugar comum, e em tudo aquilo que é verdadeiro, bom e santo, não se acredita mais. As pessoas têm vergonha de testemunharem a verdade, porque se acham ridículos diante deste avassalador assalto da mentira. Então os bons, os verdadeiros, os santos se calam, enquanto os escarnecedores de satanás escancaram dentes e bocarras em sátiras e gozações, mal sabendo que mosca entra somente em boca aberta. Estes devem saber que os demônios também entram nas moscas. E nos corações dos incautos!
 
Assim, tudo se desagrega como previu São Pedro. As famílias, os governos, a sociedade, a Igreja! E o coração do homem volta-se para o mal de uma forma terrível e assustadora, tornando-se já irreconhecível. O homem, criado por Deus à sua imagem e semelhança, torna-se aos poucos semelhança com os demônios e até ultrapassa a estes em maldade. Como poderia a natureza, o ambiente criado por Deus para colocar estas criaturas pensantes – e aberrantes – ficar quieta se vive em simbiose com eles? Se vive em simbiose com o próprio Criador? Quando a maldade e o pecado ferem este ambiente, todas as criaturas se revoltam, e tudo se revolta contra o homem, a quem foi dado cuidar de tudo isso.
 
Os vulcões se revoltam? Culpa exclusiva do homem, feito livre! Um único deles pos em nocaute todo o continente europeu, com transtornos sem conta. E tal é a corrupção humana, e tal é o abismo da imoralidade, e tal é loucura pelo ser e pelo ter, e tal é o desprezo pela vida humana, especialmente do nascituro, tal é o apego ao pecado e o desafio do homem contra Deus, que tudo isso caminha para um fim turbulento. Pois...  
 
Eis o que continua nos dizendo Ezequiel em 7, 3 Chegou o fim para ti, vou desencadear contra ti a minha cólera, vou julgar-te de acordo com o teu procedimento e fazer cair sobre ti o peso de todas as tuas práticas abomináveis. 4 Não te tomarei em consideração, serei sem complacência, pedirei conta de teu proceder, e todos os teus horrores serão manifestos no teu meio. Então sabereis que sou eu o Senhor.

De fato, o tempo é final, não restam dúvidas. E agora chega o dia da Justiça, onde o homem terá que decidir, ou por Deus ou pelo diabo, não há três alternativas, nem há válvulas de escape. Ou o homem reconhece que Deus existe, que Deus É, que Deus é seu Criador e Pai, Que Deus o ama com amor eterno, Que somente em Deus, com Deus e por Deus é possível encontrar a Paz e a verdadeira vida, ou de uma vez por todas o homem decide pelo demônio. Ele é livre para seguir seus caminhos e suas leis do terror. O homem é livre para decidir pelo pecado, que leva sempre a morte eterna. É livre para amar o diabo, cuspindo como o faz hoje na face do nosso Deus de Amor!
 
Eis o que faz o homem, desprezo ás leis eternas, que levam somente à ruína. Não mais amor, não mais fé, não mais moral nem princípios, nada que lembre Deus ou que mostra os caminhos da felicidade eterna. Eis o que faz o homem, fornicação, adultério, homossexualismo praticante, ostensivo, agressivo e opressor – embora estéril e anti- vida – drogas, corrupção de menores, músicas satânicas, orgias, explosão do sexo até destruir os corpos. E nos corpos que devem ser o templo do Espírito Santo, eis que o homem imprime os sinais de morte e de revolta contra Deus: ei-lo com tatuagens as mais horripilantes, dragões de demônios, pircings, brincos, ferros e espetos, e modas escandalosas no cabelo e nas vestimentas. Tudo isso sinais de rebeldia, e rebeldia que vem do anjo negro e rebelde. Este é o ambiente do império da morte, criado pelo dragão! Assim...
 
5 Eis o que diz o Senhor Javé: uma desgraça única! Eis que irá suceder: uma desgraça! 6 O fim se avizinha, o fim se aproxima, ele desperta para cair sobre ti; ei-lo! 7 Tua vez é chegada, habitante da terra! É vindo o momento, o dia está próximo; não há mais alegria sobre as montanhas; é o pânico. 8 Vou em breve desencadear o meu furor contra ti, fartar a minha cólera, julgar-te segundo o teu proceder; farei cair sobre ti o peso das tuas abominações. 9 Não te tomarei em consideração, serei implacável, pedirei conta de teu proceder, e todos os teus horrores serão manifestos no teu meio. Então sabereis que sou eu o Senhor que fere.
 
Na verdade, Deus é Amor e o amor é incapaz de ferir. O Amor Infinito, pode apenas chorar lágrimas de profunda dor, diante daquilo que o homem prepara como castigo para si mesmo. Ao querer avançar no terreno de Deus, meter-se a mexer naquilo que não lhe compete, o homem provocará um completo desequilíbrio das forças que regem nosso planeta, e até mesmo o Universo, como Jesus previu. Os sinais de morte já se verificam, e somente tudo não se desintegra porque Deus criou em perfeição e o homem ainda não transpôs os últimos limites, a fronteira do caos generalizado. Isso tudo para que o homem perceba que Deus existe, e Ele é o Senhor! Assim...
 
10 Eis o dia! Ei-lo que chega. Tua vez chegou. A vara floriu o orgulho produziu seus frutos! 11 a violência levantou-se com um cetro de impiedade: isso não vem deles, nem da multidão, nem da sua tropa, nem da sua magnificência. 12 Chegou o tempo o dia se aproxima! Que não se alegre o comprador, que não se aflija o vendedor, pois a cólera vai pesar sobre toda a multidão. 13 O vendedor não recuperará o que houver vendido, mesmo que esteja vivo, porque a visão contra toda a multidão não será revogada, e ninguém terá força de proteger a si mesmo, devido a seu pecado.
 
Sim, o orgulho humano, o fato de confiar apenas em sua inteligência, em sua força, no poder de seus exércitos, no poder de fogo de suas armas, na eficiência de sua moderna tecnologia, tudo isso produziu no homem do orgulho uma falsa ilusão de poder, de força, até mesmo para competir com Deus. Há pífia idéia, há sentimento estúpido! O planeta irá vir de ponta cabeça por causa disso. O mundo econômico entrará em colapso, e não demora. Por culpa do homem! Ele que se fia no dinheiro! Ó tolo! Veja...
 
14 Soa a trombeta; está tudo pronto; mas ninguém marcha para o combate, porque o meu furor se desencadeia sobre toda a multidão. 15 Fora, a espada; dentro, a peste e a fome. Quem estiver no campo perecerá pela espada; o que se encontrar na cidade será devorado pela peste e pela fome. 16 Se alguns chegarem a se refugiar nas montanhas, gemerão como as pombas dos vales, cada qual por causa do seu pecado. 17 Todas as mãos cairão (desalentadas), todos os joelhos tremerão.

As pestes já começam; a fome já assola 1/3 parte da humanidade, por causa horrível ganância de alguns! E virão as guerras civis, e não se imagine que isso é para daqui a muitos anos, porque o processo é rápido quando vier. Um vulcão sozinho foi capaz de cancelar mais de 100 mil vôos em todo mundo, imagine 10 iguais em cada continente, e sao quase 4 mil em todo mundo. Em uma semana o mundo começa a cair de joelhos, porque basta estourar um dos elos da cadeia produtiva, para em cascata os outros entrarem em colapso. Então...
 
18 Revestir-se-ão de saco e tremerão como varas verdes! A vergonha transparecerá em todos os rostos e todas as cabeças serão raspadas. 19 Deitarão o dinheiro às ruas, seu ouro será como imundície; sua prata e seu ouro não poderão salvá-los no dia da cólera do Senhor. Não saberão eles nem comer à vontade nem encher o ventre, porque é lá que os farei cair no pecado. 20 Punham seu orgulho na beleza das suas jóias; fabricavam seus ídolos abomináveis; por isso farei deles objetos de repugnância.
 
Viram a matemática que fiz acima quanto ao dinheiro. Que farão estas pessoas que querem dominar o mundo, se assentadas em cima de dezenas de trilhões de dólares? Nada além de uma imensa fogueira. Logo eles deitarão este ouro às ruas porque de nada valerá. Num pedaço que assisti do filme 2012, vi que um magnata russo pagou um bilhão de euros para embarcar num simples avião, com direito ao passe na nave salvadora. Pois nem que ele tenha um bilhão de trilhões evitará os cacos de seu império. Nem ele, nem toda a sua trupe execranda! Naquele dia, um prato de comida valerá 3 trilhões de dólares. Melhor, haverá este dinheiro e não a comida! E eles irão parar nas lixeiras a disputar cães e corvos! Porque...
 
 21 Abandoná-los-ei à pilhagem, às mãos de estranhos e, devido à profanação, farei deles o espólio dos ímpios da terra. 22 Desviarei os olhos e será profanado o meu tesouro; bárbaros penetrarão aí para profaná-lo. 23 Prepara-te uma cadeia; pois a terra está repleta de crimes, e a cidade cheia de violências. 24 Farei vir também os mais bárbaros pagãos, que se apoderarão de todas as casas; porei termo ao orgulho dos poderosos, e os lugares santos serão profanados.
 
Então virá o desespero, virá a fome inaudita, porque a terra fora do eixo e das suas estações normais, também afogada pela fumaça, os venenos que irão empestear os ares, frustrarão todas as colheitas. E as levas de povos ensandecidos, corroídos pela fome, como tsunamis humanas avançarão uns sobre os outros a cata do que comer. E todos os orgulhosos, que punham sua força nos depósitos de alimentos, manipulados para dar lucro e gerar impostos escorchantes, haverão de entender que sua força sem Deus é nada, seu Poder sem Deus é nulo. Até para que se verguem é que o Pai permite isso, quem sabe se convertam! Mas eles podem ter certeza de que...
 
25 É a ruína que está chegando. Procurar-se-á salvação, sem que se possa encontrá-la. 26 Sobrevirão desastres sobre desastres, má nova sobre má nova. Pedir-se-ão oráculos ao profeta, faltará a lei para o sacerdote, e o conselho para os anciãos. 27 O rei há de pôr luto, ficará o príncipe cheio de consternação, tremerão as mãos dos homens do povo. Tratá-los-ei de conformidade com o proceder que levaram, julgá-los-ei conforme houverem merecido. Então saberão que sou o Senhor.
 
Tudo o que o homem construiu por orgulho, por força do ter, do ganho insano, da demonstração de poder e para domínio e escravidão dos mais fracos, haverá de ruir diante dos pés dos seus idealizadores. Como um ídolo perverso, como um demônio que é adorado, o deus dinheiro, monstro supremo erigido pelo orgulho humano, será destruído e para sempre. Porque enquanto aqui rolar um níquel sequer, nunca haverá paz na terra. Enquanto o homem buscar a riqueza, haverá sempre o ódio, o engano, o logro, a perfídia, a avareza, a usura e todas as outras filhas bastardas da ganância. No dinheiro está a origem de todos os males!   
 
Falta pouco meus amigos! Mas quanto a você, que confia em Deus, que reza em família, que procura manter o estado de graça, que ama a Eucaristia, que reza pelas almas e pela salvação da humanidade, NADA tema. Absolutamente nada! Para você Deus tem preparado um lugar seguro, água, comida, e acolhida na partilha amorosa. Quando todos viverem isso, o homem finalmente entenderá que Deus é o Senhor! Então tudo será bom, e para sempre! (Aarão)



www.recadosaarao.com.br





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 13/05/10 às 17:52:52 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES