Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.407.065
Visitas Únicas Hoje: 429
Usuários Online: 148
Sistema de Busca

 

Artigos Site Aarão
Aqui estão relacionados alguns dos artigos extraídos do site www.recados.aarao.nom.br, site do Sr. Arnaldo que com inspiração divina, colocam matérias belíssimas que nos aproximam do amor de Deus e nos conduz à salvação.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1467 - Impresso: 65 - Enviado: 28 - Salvo em Word: 31
Postado em: 24/06/10 às 06:47:05 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=5503
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

7/6/2010 - O Profeta é meu!

O Profeta é meu! (escrito por Maria Rogado)

Na Bíblia está assim: eu sou de Paulo, eu sou de Apolo! Falo agora um pouco sobre o que aprendi sobre profetas e seguidores, especialmente na época em que mantinha debates acalorados no MSN e Orkut... Que felizmente deixei! É só confusão ali!

  
Nestes poucos anos que tenho tido a graça de acompanhar o Movimento Salvai Almas e o vidente Cláudio Heckert, bem como conhecer outros confidentes e seus divulgadores, tive algumas pequenas experiências que gostaria imenso de compartilhar com vocês, em todo esse tempo de conhecimento, divulgação e aprendizado. 
  
Primeiramente, acho que nem todos sabem que há vários confidentes católicos no Brasil e no mundo, em atividade. Alguns em pleno exercício de, digamos, suas “funções celestes”, outros ainda em preparação, como até me atrevo a dizer que é o caso de muitos de nós, mesmo sem saber. Pois, os tempos são difíceis e ainda muitas almas receberão esta graça imensa do céu. 
  
Recordo-me que já tinha escrito outra vez, falando praticamente da mesma coisa, mas hoje eu quero abordar somente a questão dos seguidores. Divulgadores, simpatizantes, enfim toda aquela gente que se põe a orbitar ao redor dos profetas, gente na qual eu também me incluo. 
  
Quase ninguém tem a consciência que muito da missão do profeta, do vidente, depende de nós. Nós que acompanhamos, testemunhamos e divulgamos, e levamos a mais almas a mensagem que lhe é passada por Deus. Nós somos a voz do profeta, levamos a mensagem e seguimos com sua missão, onde ele não pode ir. Somos os olhos, as mãos, as vozes que também ajudam a salvar almas, e muitas pessoas devem aos divulgadores, sua conversão. 
  
Assim como somos uma parte importante do trabalho, e posso dizer peça-chave.. nós também facilmente podemos causar a ruína de qualquer confidente. Esteja ele no estado que estiver, fiel ou cambaleante, tudo depende demais de nós, porque afinal não é ao confidente que o céu se dirige, é a nós. Nós somos o motivo de sua missão, nós, as almas que Deus quer alcançar, alertar e salvar. 
  
E nesses anos de caminhada, quantas vezes não pude perceber pessoas, que embora de boa-fé, acabam se “apoderando” dos profetas! Ah sim, como nós podemos cair nessa tentação, afinal nós trabalhamos tanto por eles.. procuramos divulgar, sofremos incompreensões, somos motivo de chacota, principalmente dentro da própria Igreja Católica, da qual humildemente todos fazemos parte. 
  
Então, tudo tem que passar antes pelos “donos do profeta”. Assim, eles interpretam as mensagens, seguram algumas, fazem mistério sobre outras, falam em nome dele, e às vezes coisas absolutamente erradas, interpretam errado, transmitem errado e são pedra de tropeço, em vez de ser ponte de salvação. Porque quando interpretamos algo errado, transmitimos algo errado, para os outros, somos aquelas pessoas que estão “por dentro”, e a culpa nunca vai ser nossa, sempre será do... profeta! Afinal, não era da mensagem dele, que estávamos falando? 
  
Sem contar que também há o fenômeno: “não acredita no profeta? Vai queimar no mármore do inferno!” Quantas e quantas vezes eu mesma já não tive que ouvir isso? Ah... mas acontece que uma coisa deve ficar bem clara entre nós divulgadores, antes de qualquer outra coisa:Revelações particulares NÃO são dogma de fé. Ninguém é obrigado a acreditar em nem uma linha de mensagem alguma, embora São Paulo tenha aconselhado a “não desprezar as profecias. Reter tudo, e ficar com o que for bom” (1 Tess 5, 19-21). 
  
Então, nada de chantagem, coerção ou ameaças a ninguém. Vamos semear apenas, que a colheita pertence a Deus. 
  
Ligado a isso, ainda devemos considerar que há alguns profetas que infelizmente para nós, têm mensagens bombásticas e assustadoras. Estes dias mesmo os confidentes franceses que recebem mensagens do falecido Jean de La Lumiere, não nos avisaram de que as mensagens cessaram, pois se aproxima o fim dos tempos? Haja coração! Então, que fazer? Sair dizendo: olha, o mundo vai acabar, se converta! O profeta mandou alertar a todos! Passe bem, tá? 
  
Isso vai converter? Sim, isso converte também. Vamos frisar o “também”.. porque na maioria das vezes, isso não converte é nada!!  Tudo depende da ação da graça divina em uma alma, o mistério que acontece entre Deus e o homem, quando este se abre ao amor do Pai. Isso nos é vedado saber quando acontece, e de que forma acontece, então de certa forma tudo é válido, mesmo até algumas abordagens aparentemente pouco cristãs. Assim, em último recurso, pela salvação das almas nós temos é que tentar de tudo. Mas tem gente que se contenta em jogar a bomba e sair correndo, e isso não é, de maneira nenhuma, tentar “de tudo”. 
  
Há algum tempo quando eu me debatia nessa questão, em meu coração foi posta uma frase assim: “Evangelizar é ser instrumento de Deus diante das necessidades das pessoas!” Sim, nós todos nós somos expressão do amor de Deus nesta terra, é por este amor que estamos aqui hoje, é em nome deste amor que nos sentimos impulsionados a fazer o trabalho que fazemos. 
  
Assim, em muitas das vezes, talvez a necessidade daquela pessoa naquele instante, não seja o ficar apavorada diante da catástrofe iminente. Talvez seja apenas o poder desabafar, o poder tirar suas dúvidas diante dos desafios que a fé católica nos impõe, o ter um amigo do seu lado, alguém que a ouça e a console. E a gente que jogou a bomba e saiu correndo? Poderíamos voltar atrás e ser esse instrumento de Deus para confortar  pacientemente aquele coração ferido, e agora apavorado??? Vamos meditar numa resposta! 
  
Então, o trabalho de divulgação não é só sair distribuindo livros, montando sites e blogs, imprimindo e distribuindo panfletos sobre as profecias. Esta é, eu diria, a parte final do trabalho, porque antes disso, nós precisamos nos preocupar com o estado das almas que nos cercam, pois é para elas que esse trabalho é destinado. Sempre que der um livro, um folheto, indicar um site, se mostre disponível para esclarecer dúvidas, para ouvir, para saber dar uma palavra amiga.. porque a palavra do céu mexe com os corações, assim surgirão muitas coisas na alma da pessoa, coisas de que às vezes nem ela própria tinha conhecimento. 
  
E ela se voltará para você, afinal você naquele momento é aquela pessoa que está mais próxima de Deus, na visão dela. Podemos e devemos nos preparar muito bem para esses momentos, estudando ativamente a doutrina de nossa Santa Madre Igreja, orando e pedindo a Deus que nos dê compaixão, piedade e discernimento para bem poder aconselhar, e principalmente que nos dê muita paciência. Pois muitas pessoas não são bem formadas na fé, algumas mensagens elas nem poderiam entender, como no caso em particular do Salvai Almas, muita gente não sabe nem o que é purgatório, mas e então? Como elas poderiam entender as mensagens? 
  
Temos que cuidar de nós antes de tudo, temos que nos fortalecer na fé, estudar bem a doutrina da Igreja, nunca nos acomodar e achar que por sair dando uns livrinhos por aí, já estamos com nosso lugarzinho garantido no céu. Porque o semear, é se debruçar sobre o arado, pingar muitas gotas de suor sobre o campo, e regar a semente às vezes com lágrimas. 
  
Muita gente também tem o péssimo costume de sair recolhendo tudo e fazendo um saladão de mensagens. Conhecem o tipo? Aquelas pessoas que ficam comparando mensagens umas com as outras, vendo o que fulano falou, que cicrano revelou mas beltrano não falou nada aquilo.. aiai, que confusão? E agora? Pior é quando saem distribuindo tudo, e haja spam, corrente, livraiada, Jesus amado! Precisaríamos de uma vida para ler tudo, e não temos dois anos pra fazer isso!! 
  
Nossa Senhora nos pede, através do profeta Cláudio Heckert, e eu acho um ótimo conselho particularmente, por experiência própria: NÃO MISTUREM OS CARISMAS. Se você se sentiu tocado pelas mensagens daquele confidente, firme-se nele. Ouça o que ele tem a dizer, medite nisso e aplique aquelas palavras na sua vida, para depois podermos transmitir aos demais. Se misturamos as estações do rádio, não ouviremos nenhuma música bem, apenas um chiado enlouquecedor. Com as mensagens é assim também! 
  
E isso é importante inclusive, para termos um discernimento seguro sobre aquilo que está sendo passado a nós. Estudando a doutrina da Igreja, freqüentando assiduamente os sacramentos, tendo uma vida de oração, rapidinho perceberemos se aquele confidente está seguindo fielmente os ensinamentos do céu, ou está inventando mensagens, ou sendo enganado por satanás. Sim, tem mais isso ainda! E se divulgarmos uma mensagem falsa? Então a responsabilidade será toda nossa! 
  
Não se trata de não acreditar nele, no confidente. Se trata de sermos vigilantes e prudentes, porque isso ainda acontecerá muito e com muitos confidentes! E então? Você que jogou a bomba e saiu correndo, apavorou meio mundo.. e o profeta já caiu e só você ainda não notou? E lendo tudo que aparece, é que não vamos ter tempo para verificar nada disso. Nem ter tempo para rezar pelo confidente, que mais do que ninguém, necessita bastante de nossas orações, pois ele também, como nós, é humano e falho. Infalibilidade, é só o papa que tem, e ainda assim só em questões de fé e moral.. nem o papa é 100% infalível! Que dirá o pobre profeta! Cuidado com o fanatismo! 
  
Porque o verdadeiro profeta, não arrebanha um seguidor sequer para si. Os verdadeiros profetas antes de mais nada ensinam as pessoas a se voltarem para Deus, através do único caminho seguro para isso: a Igreja Católica.  E pedem para que as pessoas sejam ativas em suas comunidades. 
  
Então, nada de se esconder em refúgios caros, viver andando por aí de broche distintivo e túnica abençoada, porque isso não vem de Deus, de maneira nenhuma. Profeta verdadeiro é proibido de comentar as mensagens que recebe, e dar entrevistas. Deve operar na humildade, oração e silencio. Somente a estes Deus se revela, não a papagaios ou bonecos de ventríloquo. 
  
Nós somos chamados através do Evangelho a sermos sal e luz, dentro de nossas casas, com nossas famílias, em nossas paróquias. Ser tudo para todos, para ganhar todos para Cristo, assim ensina o apóstolo. (1 Cor 9, 22) Mas não seremos nada para ninguém, nos isolando em grupinhos fechados de seguidores de profetas. E muito menos repassando tudo que nos botam na frente, sem mais!  
  
Finalizando, é uma obra muito santa e muito meritória, a divulgação das mensagens atuais. Elas não trazem nada de novo, pois sabemos que toda a revelação que necessitamos saber está na Bíblia e na doutrina da Igreja, mas ajudam-nos a interpretar os acontecimentos atuais à luz de Deus. É essa a grande missão e o grande desafio dos profetas atuais: nos ensinar a ver os sinais dos tempos, que explodem sobre nós. 
  
Para que todos nós nos conscientizemos da necessidade da escolha definitiva por Deus. Sim, de uma vez por todas, abraçar a cruz e seguir adiante, pois se aproximam de nós tempos muito difíceis. E nós todos somos chamados a compartilhar esta consciência com os outros, mas saibamos fazê-lo de uma maneira cristã, correta, e agradável a Deus, para que esta possa dar muitos frutos de salvação. Apliquemos tudo isso em nossas vidas, nos mantendo atentos aos sinais que Deus nos envia através dos bons profetas atuais.
  
Que possamos chegar todos diante do Pai e dizer: “Não perdi nenhum daqueles que me deste!” Amém? 
  
Abraços 
Maria Rogado



Fonte: www.recadosaarao.com.br





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 24/06/10 às 06:47:05 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES