Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.273.291
Visitas Únicas Hoje: 220
Usuários Online: 242
Sistema de Busca

 

Artigos Site Aarão
Aqui estão relacionados alguns dos artigos extraídos do site www.recados.aarao.nom.br, site do Sr. Arnaldo que com inspiração divina, colocam matérias belíssimas que nos aproximam do amor de Deus e nos conduz à salvação.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 3257 - Impresso: 59 - Enviado: 35 - Salvo em Word: 48
Postado em: 24/06/10 às 06:56:42 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=5505
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

23/6/2010 - Revelações - Na Alemanha

Este texto abaixo, está no site Rainha Maria, e há tempos que eu procurava por esta história. O que segue abaixo, embora meio embolado, deveria ser lido e meditado por todos os bispos e padres do mundo inteiro.


Houve uma aparição de Nossa Senhora para 8 meninas, entretanto o Bispo da região, movido pelo demonio, juntamente com diversos bispos da região, e até de outros países, conseguiram montar um processo mentiroso e criminoso, e levando ao Papa Pio XII, conseguiram que ele lançasse um decreto de excomunhão contra toda pessoa que fosse sequer rezar naquele lugar.

Um coisa destas é realmente impensável. Um autoridade segura, séria, inteligente e estudada como aquele Papa, JAMAIS, poderia ter lançado o decreto, ainda que todos os bispos do mundo lhe pedissem. Claro que ele foi engando pelos bispos e também ele, por orgulho, se deixou cegar pelo demônio, cometendo este desatino. Ele nem tem sequer direito a isso! As pessoas sao livres para crer. Os catolicos sao livres para rezar em qualquer lugar... Inexplicável!

A Igreja deve estudar cada aparição, ou pretensa aparição, todas elas sem excessão, á luz da fé, do Evangelho, da razão, da medicina, da psicologia e da ciência, para poder discernir sobre cada caso, e orientar os fiéis. Mas isso tudo, jamais pode ser usado como instumento de ódio. Antes, como diz o Evangelho, se não tiver AMOR, será sempre um libelo tendencioso.

Assim, todos os que erraram a respeito daquela aparição, o fizeram porque a comissão não era formada de AMOR, mas de advogados do diabo. Tendenciosos, com posições formadas, com juízos cruéis, escárnio, zombaria, porque se deixam mover por um brutal orgulho teológico. Ouviram o Demonio, não Nossa Senhora. E não exista nada neste mundo, que mais pesa diante do trono de Deus, do que escarnecer da Mãe de Jesus. Negar uma aparição séria, verdadeira, é escarnecer dela, e fazâ-la mentirosa.

Segundo levantamentos de um Sacerdote, em todo mundo são mais de 2.500 locais de aparições. É tão brutal a cegueira de nossos Bispos, tamanho é seu orgulho, também dos padres, que praticamente NENHUM sequer é estudado. Quando chega aos ouvidos do pároco, ele solta os cachorros sem discernir. Se levam para o bispo ele expulsa, e se nao expulsa apenas lança um decreto ao vento, sem estudar, sem VIR E VER, antes de matar a aparição. So este volume imenso de locais, já deveria alertar estes luminares. Impossível que sejam loucos todos eles.

Bem disse Jesus: Ai de ti Jerusalém, que matas os teus profetas, e apedrejas a aqueles que te sao enviados... Ai de vós, bispos e padres da Santa Igreja, que desprezais as profecias atuais, abarrotadas de avisos de Deus. Quem de vós tem o direito de calar a voz do Céu? Quem tem direito de zombar da Maezinha, que chora lágrimas e de sangue?

Todos os bispos responsáveis neste caso, pegaram duríssimos purgatórios e consta que o Papa Pio XII pegou 25 anos por ter assinado aquele tendencioso decreto. Também a grande mistica Tereza Neuman, que sabia que a aparição era verdadeira mas se calou, deixando o Papa errar, pegou a mesma pena. E veja, esta mulher passou mais de 30 anos se alimentando só da Eucaristia.

Isso da conta da gravidade ÍMPAR, de maltratar os profetas que Deus envia. Cada padre de uma Paróquia, onde pretensamente esta acontencendo alguma manifestação do Céu, é OBRIGADO pela lei do AMOR, a estudar com carinho, ir lá e VER, e com espírito desarmado dar seu parecer. Deve ser diretor espiritual das pessoas escolhidas pelo céu, e se perceber que existem erros, deve levar ao Bispo e tomarem as providencias.


Assim, milhares de padres e Bispos já pagaram penas horrendas no Purgatorio, e teve que foi para o inferno, por ne negarem a aceitar que Deus jamais deixou de enviar profetas, porque assim está dito por Amós. Quem lhes ensinou que depois da Biblia não existe mais profecia mentiu, e deve ter pago sua conta, se ainda não está pagando, ou pagará eternamente. Porque deram ouvidos ao demônio.

É o caso especifico do Cláudio. Em 2003 quando o Sr Bispo lhe mandou aquele questionário, e sem caridade alguma, mesmo depois de ter recebido todas as respostas com precisão Doutrinária, mandou que ele se calasse. Se o Cláudio tivesse obedecido, ele estaria feliz, sentado no topo de seu orgulho. E milhões de almas estariam clamando por causa do bispo, que sequer veio ver, nunca se deu ao AMOR, de vir a um cenáculo rezar conosco, sentir, analizar com carinho de um pai espiritual. Ai dos tiranos, ditadores!

Ocorre, que desde então, e mesmo tendo as repostas, não fez nada, não montou processo canonico, como manda a Igreja, com direito de defesa, e com a justa ajuda de um sacerdote que acredita em aparições. ANTES, lançou aos quatro ventos aquele questionário com suas "dúvidas", no que se constituiu num brutal processo condenatório, coisa mais própria de quem usa o pardão de fuzilamento.

Ele nao veio ver os frutos da árvore como pediu Jesus. Esta a forma de ver se uma obra é de Deus ou não. E haverá outro Movimento na terra, composto da milhares de pessoas que rezam pelas almas, com mais de 200 sacerdotes, que tenha tantas alminhas na mão para mostrar ao Pai?

Peçamos a estas mais de 8,1 bilhões de almas, que intercedam dia e noite pelos padres e bispos, que não estudam os locais de aparição, que julgam sem ter visto e condenam sem analizar os frutos. A culpa de todos eles é gravíssima, porque tentam sufocar a voz do próprio Deus. Sim, as apariçães falsas, morrem por si. As verdadeiras que eles tentam sufocar e desacreditar, acumulam brasas sobre suas cabeças.

Vejam o texto

As Almas do Purgatório 

- Este texto foi extraído do livro JESUS RESPONDE A UM PADRE. 

- Traduzido do francês pelo padre Aldemar Ferrari. Prefácio de Dom Antônio de Almeida Moraes Júnior, Arcebispo de Niterói – RJ. 

De 9 de Outubro de 1949 a 25 de Julho de 1951, aconteceram aparições de Nossa Senhora – Mãe de Deus – a 8 meninas de uma aldeia de Baviera, vizinhança de Nuremberg, Alemanha. 

Quando eram justificadas as esperanças de que todos recebessem com gratidão os importantes Avisos da Mãe de Nosso Senhor, dados a conhecer durante aquelas Aparições, avisos comprovados por conversões, e milagres ante milhares de pessoas, como foi o caso do Sol repetindo o prodígio de Fátima, eis que uma COMISSÃO veio estudar os fenômenos, nomeada pela Cúria de Bamberg, sob a gerência do Bispo Dom Landgraf. 

A COMISSÃO era composta de pessoas incompetentes em Teologia. Montou-se logo um mecanismo de inquéritos, presidia de quando em vez, até pelo Juiz da cidade. 

Finalmente, Dom Landgraf elaborou um resumo das conclusões, que apresentou a colegas Prelados na Alemanha, para pedir-lhes adesão, e assim, num clima de oposições, encaminhou ao Santo Padre Pio XII solicitações para INTERDITAR o sítio das Aparições em Heroldsbach, e EXCOMUNGAR leigos ou sacerdotes que porventura se atrevessem a rezar naquele local! 

Sua Santidade PIO XII, confiado na autoridade dos Bispos, ratifica e assina o INTERDITO e a EXCOMUNHÃO ...! E resto é fácil imaginar. 
QUE ACONTECEU? 

Com exceção do Cardeal Faulhaber que chamou a atenção de PIO XII sobre o erro consumado, os demais Prelados direta ou indiretamente comprometidos no caso, e chamados em pouco tempo ao Tribunal de Deus, se acusam, depois da morte, de terem cometido ofensa grave contra a Santíssima Mãe de Jesus, no caso de Heroldsbach. Declaram – é terrível ouvir isso! – que não veriam a glória de Deus até que o Decreto contra as Aparições em Heroldsbach fosse anulado, reparando-se a injustiça cometida! 

CAMINHOS DA MISERICÓRDIA 

Deus escolheu a pessoa de uma alma-vítima para oferecer desagravo pelos culpados. Chama-se TEREZA OBERMAYER, irmã terciária Franciscana. Esta como tantas outras almas reparadoras, quando convidadas a perceberem o amor, e instâncias da bondade divina, dificilmente se recusam a aceitar o sofrimento reparador exigido por Deus. 

Disse Nosso Senhor a Tereza:

Doravante está cravada em minha cruz com pregos... Fica atenta às Nossas Vozes que falam no mais íntimo da alma! Anota o que ouves! A Divina Providência te chama para pores à prova Bispos e Sacerdotes! 
Palavras de Nossa Senhora a Tereza Obermayer: 

Em Fátima não foi proibida a oração como foi em Heroldsbach, para grande mal das almas. 

Em Fátima, a Minha Mensagem só se tornou evidente quando eclodiu a Segunda Guerra! 

Pois vem a Terceira Guerra pior que a anterior... 
Em meu cuidado maternal vim (à Alemanha) , implorar, alertar. Mas, em vez de se emendarem, me perseguem! 

Até a alta Hierarquia Eclesiástica assim procede. Sacerdotes e leigos, por causa de Heroldsbach, foram punidos com penas canônicas, contra todas as leis da justiça! 

Tais medidas arbitrárias são rigorosamente submetidas ante o Tribunal de Deus. Disso dão claro testemunho os SACERDOTES QUE JÁ COMPARECERAM DIANTE DO ETERNO JUIZ, pois eles também descreram de MIM! 

QUEM SERIAM ESSES SACERDOTES que já compareceram diante do Eterno Juiz? 

São: 
BISPO AUXILIAR DE BAMBERG, Dom Landgraf falecido inesperadamente a 8 de setembro de 1958 e sepultado a 11 de setembro de 1958. 
Em 11/09/58, diz o Sr. Bispo falecido a Tereza Obermayer: 
"Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! 

Pede uma audiência particular ao Arcebispo Schneider, de Bamberg. Eu, e não vocês, merecia as penas eclesiásticas, pois a minha ambição incontida abusei de função episcopal. A culpa principal cai sobre mim. Informei e influenciei, enganando o próprio Santo Padre em Roma. Todos ficarão sabendo que o demônio agiu por meu intermédio. 
Teus sofrimentos e orações livraram-me das penas do inferno. 
Reza por mim! Dá-me muita água benta com as orações da noite. 
Escreve, por favor, ao Santo Padre João XXIII, através do Santo Ofício! Pede ao Sr. Arcebispo Schneider retire logo as penas canônicas injustas e inválidas, antes que seja tarde também para ele... 
De Deus e de sua Mãe Santíssima não se zomba!... 
Em 16/09/58 – às 15 horas. 

O Bispo Dom Landgraf vem pedir outra vez que Tereza Obermayer escreva o seguinte: 

"Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! 
Faço um pedido a todos os Bispos que suspendam as EXCOMUNHÕES inválidas, injustamente lançadas sobre os peregrinos que acreditam nas Aparições da Mãe de Deus, em Heroldsbach. 
Que eles reparem o prejuízo causado à Igreja. Que organizem Novenas de reparação. Eu pratiquei culpa mortal tencionando arrasar Heroldsbach... Mas destruir a obra de Deus é grave pecado contra o Espírito Santo. Se os peregrinos não houvessem rezado por mim, eu teria caído no abismo eterno, e da mesma forma o Arcebispo Kolb. 
Através de relatórios inverídicos, até Roma eu enganei, pois me deram crédito, devido à minha autoridade episcopal. 
Tomara eu pudesse voltar à  terra! Iria de joelhos pedir perdão a todos!..." 

Em 06/01/1961 

O Cardeal Wendel, de Munique, faleceu repentinamente, após a sua alocução de fim de ano. Seis dias depois ele comunica: 
"Tenho que expiar no Purgatório porque combati a honra de Maria Santíssima – Mãe de Deus – não acreditando e dissuadindo outros a não acreditar em Heroldsbach. Lancei castigos injustos contra quem acreditava nas Aparições de Nossa Senhora em Heroldsbach. Enganado pelas medidas erradas da Diocese de Bamberg, nada fiz para saber a verdade. Também PIO XII sofre conosco, porque, além de não acreditar, aprovou um infeliz Decreto sem conhecer exatamente as coisas... Prestou mais crédito ao Santo Ofício que aos apelos que lhe foram feitos. 

Eu fiz severamente julgado. Meu purgatório será duro e longo. Agora você diga a verdade. Escreva e fale. Defenda com decisão a honra de Maria Santíssima, Mãe de Deus! Tuas mensagens a Bispos e Padres trarão bons resultados para a eternidade. 
Em 08/10/1961, entre 14 – 15 hs, o Papa PIO XII, no 3º aniversário de seu falecimento, veio dizer: 

O que tu, querida irmã  Terciária Franciscana, sofres e expias por mim, te será abundantemente creditado no céu. Oferece a Santa Missa, sem esmorecer. Oferece o Sangue de Jesus em favor de nossos indizíveis sofrimentos! 

Muitas pobres almas se dirigem a mim pedindo que também te lembres delas... Como não as conheces pelo nome, oferecerás cumulativamente por todas o Precioso Sangue hoje na Missa Vespertina, São numerosas!! Lembra-te das almas sacerdotais, pois sou o responsável pelo sofrimento delas, por causa do infeliz Decreto que eu aprovei sem o devido exame... 

O Bispo auxiliar de Bamberg, Dom Landgraf, nos informou erradamente sobre este assunto. Ele terá  que expiar duramente pela gravíssima culpa dentro da Santa Igreja, pois ainda os fiéis continuam sendo perseguidos com penas canônicas injustas. 
Minha purificação prolongar-se-á!  

Em 09/10/1961, às 23 hs, o Papa PIO XII: 
"Caríssima Irmã, nunca esquecerei o teu ato de caridade por teres oferecido em minha intenção, durante três dias a Santa Comunhão e o Precioso Sangue! 

Julgam-me, como Papa, não precisar de orações... Por isso não as recebo. Entretanto, eu preciso de orações e sempre renovarei as súplicas, para que te não esqueças de mim. 
Tua responsabilidade diante do Senhor é imolar-te por nós Sacerdotes. Vamos ajudar-nos mutuamente! 

.........Chamei os Peregrinos de Nossa Senhora de "Gente fanática" (schwarmgeister), secundando a turma "do contra"... 
Não fiz reparação em vida e por isso devo reparar no Purgatório! 
Aquela minha afirmação rebaixou os peregrinos! 
Cada coisa, por insignificante que seja será examinada por Deus! 

..........Porém estas faltas nunca poderão ser comparadas com as faltas de pouco caso que se tem para com as Aparições de Nossa Senhora no mundo! Reza pelos Bispos e Padres errantes e descrentes, tanto no Vaticano, como no mundo inteiro! 
Arrependo-me para sempre! 

A batalha de Lepanto foi brinquedo de crianças em comparação à batalha atual. Virá um derramamento de Sangue e Mártires no próximo combate da Fé! Quem passará pelo teste final? Somente um punhadinho na tormenta que varrerá a terra! 

..........Não atendi ao Cardeal Faulhaber, nem pensei no pecado de omissão! Ó se eu pudesse voltar à terra para reparar este prejuízo que dei a Igreja! Vem em meu auxílio, com orações, sacrifícios, reparações, bons conselhos, atuação corajosa! 

..........A convocação de um Concílio Ecumênico dará pouco resultado, se não forem revogadas as injustiças e as penas canônicas de pura crueldade lançadas contra os leigos e sacerdotes em Heroldsbach. Mas já passam anos e ainda são mantidas. Estes embora excomungados, entretanto, são os que defendem a honra da Mãe Celeste pela palavra falada e escrita. 

..........Ai de mim, que fui omisso! Não posso jamais compreender! Eu estava na cegueira de espírito! Agora Deus me mostra tudo o que eu deixei de cumprir. Só na eternidade é que se vê tudo tão claramente! Mas é tarde! Eu devia Ter restabelecido a glória da Mãe de Deus na Alemanha, que desde a Reforma protestante está caída, desmantelada! 

Não hei de chegar à  visão de Deus, enquanto a honra de Maria Santíssima em Heroldsbach não for restituída! 
Em 09/06/1961, entre 8 – 9 hs. 
O Bispo Buchberger, no Hospital, antes de morrer, diz à Vidente Tereza Obermayer: 

"Porque não acreditei no que me dizias? É que fui impedido por meus subordinados. Eles tinham a você na conta de anormal! O Cônego Kracker tinha a mesma opinião e não prestava atenção no que vinhas a dizer. 

Agora nada mais posso fazer do que entregar-me nas mãos de Deus. Reza por minha pobre alma quando eu for chamado ao Tribunal. Além de não acreditar, ainda te combati, atendendo a meus colegas. Fiz cumprir a recomendação do Cardeal Wendel – de Munique – Proibindo as romarias para Heroldsbach, pensando que à autoridade eclesiástica de cima se deve obediência incondicional. Seria como um golpe de força. Onde a liberdade da fé e da consciência? 

Incrível! Só agora, à beira da sepultura, estou compreendendo. Reza imola-te por mim. Que Deus se compadeça de mim. Dói-me profundamente Ter assim tratado a Santa Mãe de Jesus, combatendo-A. O pior não foi Ter sido descrente, mas Ter impedido os fiéis de orar! 
Oração da Vidente Obermayer: 


"Ó Jesus, o vosso Sangue precioso acuda 
esta pobre alma sacerdotal, nós Vos rogamos 
atendei-nos, Senhor! 
Anjos e Santos do céu, sede seus 
Intercessores diante de Deus!!" 
Não choreis por mim! Chorai antes por eu Ter rebaixado com minha descrença a Santa Mãe de Deus. Dei até ordens para que se fechassem as estradas de acesso aos peregrinos..." 
E NOSSA SENHORA vem em seguida dizer: 
"Eles só acreditam quando já é tarde. Na eternidade lhes é tirada a venda dos olhos. Esta cegueira de corações endurecidos que nem por lágrimas se deixem comover... 

Após o falecimento, diz o Bispo Buchberger: 
"Peço que escrevam ao Santo Padre João XXIII, a todos os Cardeais, ao Núncio Bofite, aos Arcebispos e Bispos! 
Que faça um novo RELATÓRIO e restabeleçam os direitos de Nossa Senhora! Nós Bispos, temos culpa grave porque não acreditamos na missão de Nossa senhora no mundo...! Não seremos libertados, nem chegarmos à visão de Deus enquanto não se reparar o prejuízo feito à Igreja..." 

À 08/12/1961, às 22 hs, fala o falecido Bispo Keller, de Munique: 
"Escreve ao Santo Padre que eu fui enredado no maldito Decreto contra as Aparições em Heroldsbach. Pede ao Santo Padre que indague com urgência sobre o caso. Por favor, reza por minha pobre alma, tu que fizeste voto de orar pelos sacerdotes, Oferece por nós o Sangue Precioso durante a Santa Missa. 
À 08/12/1961, às 22 hs, NOSSA SENHORA veio, finalmente, dizer: 
O culto Mariano tem de ser aprovado em muitos lugares e não apenas em alguns ...! 

Sem saber em que arraial se encontram, trabalham Bispos e Padres ao lado do Inimigo! 
À 19/09/1962, A palavra de Nosso Senhor: 
Tratando-se de autoridade eclesiástica, ninguém deve praticar abuso contra meus filhos Videntes. 

Também o Sr. Bispo de Leiria (Fátima) encontra-se ainda no lugar de purificação. Ele não acreditou na Mensagem de minha querida Mãe e Rainha. Se ele tivesse agido, a Segunda Guerra teria sido evitada! Todos teriam aceito prontamente o grito para fazerem penitência! 
Porque só se acredita quando vem o castigo? E porque murchou a Fé no círculo dos Pastores? 

Uma vez que o povo em sã  razão esta acreditando, por que o castigam? Quem justifica perante Deus tal procedimento? 
É bom fazer reparação ainda em vida, e pedir desculpas pelos grandes crimes cometidos contra as ordens e desígnios de Deus... 


Dilson Kutscher, site A Caminho da Redenção: 

www.conesul.com.br/anjo  

 



Fonte: www.recadosaarao.com.br





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 24/06/10 às 06:56:42 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES