Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.196.708
Visitas Únicas Hoje: 1.259
Usuários Online: 254
Sistema de Busca

 

Fim dos Tempos




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 7785 - Impresso: 120 - Enviado: 53 - Salvo em Word: 84
Postado em: 08/04/14 às 06:53:47 por: James
Categoria: Fim dos Tempos
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=85&id=12195
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Fim dos Tempos

Espacojames: Existem vários artigos sobre os três dias de trevas, todos falam a mesma coisa! CONVERTAM-SE enquanto há tempo, pois o dia do Senhor virá, e serão pegos de surpresa, pois somente o pai sabe o dia e a hora. Arrependam de seus pecados...

Deus disse a Vassula Ryden:

No entanto, está prometido por Deus que OS PECADOS QUE TIVEREM SIDO CONFESSADOS E PERDOADOS E DOS QUAIS NOS TENHAMOS ARREPENDIDO SINCERAMENTE NÃO ENTRARÃO NO PROCESSO DE PURIFICAÇÃO

Leia o artigo completo aqui: http://espacojames.com.br/?cat=11&id=7887

Ao ler o artigo abaixo Nossa Senhora nos alerta: "Cuidado com aqueles que divulgam datas..." Tomemos esta lição como uma dica de nossa mãe para distinguir entre os verdadeiros e os falsos profetas.

James

--

 

Frei David Lopez é um monge franciscano, que vive nos Estados Unidos há muitos anos e tem um pequeno hospital na cidade de Weslaco, Texas, onde dá hospitalidade e assistência aos imigrantes ilegais. Frei David se encarrega pessoalmente das pessoas que ao mesmo tempo sofrem de paralisia cerebral que causa dificuldade em falar.

Em 14 de agosto de 1987, enquanto se encontrava em peregrinação a Medjugorje recebeu uma mensagem da Madona que anunciou um período de três dias de escuridão e tribulação. A seguinte é a tradução do Inglês de um artigo publicado no “Medjugorje Boletín Weible Column” em agosto de 1992. Este artigo é uma tradução escrita pessoalmente por Frei David Lopez.

 




COMO FREI DAVID LOPEZ CHEGOU À DECISÃO DE PUBLICAR A MENSAGEM DA VIRGEM?

Escrevi a mensagem da Virgem em 11 de setembro de 1987, a evitei durante quase um mês. Tentei que me dissuadissem de tornar pública esta mensagem, mas ninguém o fez. Então fui ao meu diretor espiritual e me disse que a escrevesse, mas não o fiz.

Em 11 de setembro fui a San Antonio, Texas. Fui ali uns dias antes para organizar os preparativos para a visita do Papa João Paulo II. Meus amigos me levaram ao santuário de Czestochowa, onde rezei diante do Santíssimo Sacramento exposto na capela. Às 11.40 h como eu tinha a sensação queo Senhor estava me dizendo que fosse dali para a parte principal da igreja (a capela do Ssmo. Sacramento está ao lado da parte principal da igreja).

Então fui e comecei a rezar o rosário diante da imagem da Virgem de Guadalupe. Eram 11:45 h quando, sem razão em particular levantei os olhos e vi que a imagem estava animada. A imagem me revelou algumas coisas privadas de meus amigos e me chamou a atenção sobre o fato de que eu não tinha feito o que me tinha pedido.

 

 

Então disse: “Quero que escrevas a mensagem que te dei em Medjugorje antes que te esqueças, e quero que a leves ao Bispo para sua aprovação.” Então pensei: “Se o que me disse sobre meus amigos é certo escreverei a mensagem em silêncio.

Falei com meus amigos o que a Madona me revelou sobre eles e tudo estava certo. Então eu não tinha mais desculpas: decidi escrever a mensagem.

Duas semanas mais tarde fui ao Bispo (Bispo John Joseph Fitzpatrick, não está mais no cargo da Diocese de Brownsville, Texas) e lhe mostrei o que tinha escrito, esperando que não me acreditasse e não me desse sua aprovação, mas isto não aconteceu. Ele disse: “David, estas palavras não são novas. Esta mensagem não é sua e não deve guardar só para si, é para o mundo inteiro e eu não te impedirei a publicação destas palavras, mas tenha cuidado porque nem todos querem aceitar e entender. Certamente não há nenhum erro do tipo doutrinal, espiritual ou moral.” (Frei David pede ter explicitamente em conta que o Bispo Fitzpatrick não deu sua aprovação oficial a esta mensagem).


O REGISTRO DOS ACONTECIMENTOS DOS QUAIS FUI PROTAGONISTA

Em 14 de agosto de 1987, quando estava em Medjugorje, tive o privilégio de estar na sala das aparições ao mesmo tempo em que a Senhora estava aparecendo aos videntes e tive o prazer de entregar os pedidos de oração aos videntes e artigos religiosos que muita gente me tinha encomendado. Apesar de que este privilégio era grande, não foi tão importante em comparação com a revelação que a Madona me deu mais tarde.

Depois da aparição, os videntes mencionaram o fato de que a Virgem queria falar com eles esta noite no Monte da Cruz (Krizevac). Mais tarde nesta noite, muita gente os seguiu enquanto subiam a montanha. Eu não fui até [...] as 2 da manhã, fui com meu amigo dom Eduardo Villa. A subida à montanha fiz até a metade do caminho porque a subida era demasiado difícil para mim. Enquanto estive ali recitei 15 dezenas do Rosário e falei com as pessoas que passavam por ali. Meu amigo, Dom Villa seguiu só. Fiquei ali durante duas horas.

Quando meu amigo desceu fomos à missa em inglês (na Igreja de Santiago) e depois regressamos à casa da família que nos hospedava. Mais tarde, meu amigo regressou à montanha e eu fiquei só em casa.

Quando eu estava na montanha pela manhã me informei do que a Madona havia dito aos videntes que por ser a Festa da Anunciação, uma data muito especial, os que estavam perto da sala das aparições tinham recebido dons e graças especiais. Quando estava em meu quarto meditando sobre este tema, ao mesmo tempo tinha recitado as 15 dezenas do Rosário, tinha ido à missa então não tinha necessidade de voltar a sair e recitar outro Rosário … No entanto talvez a Virgem não quisesse que fôsse. Então ouvi uma voz dentro de mim que me disse: “ E qual razão teria para que não voltasse?

A família que nos acolheu em Medjugorje era de um taxista que se converteu em meu amigo e me disse: “Não tome nenhum outro táxi, eu o levarei aonde quiser e não terá que pagar”. Então eu disse a Maria: “Se o condutor retornar a tempo vou para lá, do contrário não vou.”

O táxi chegou a tempo e o condutor me perguntou se queria ir a à casa paroquial. Disse-lhe que sim. Quando cheguei alguns amigos me deram uma cadeiraa dobrável, me sentei perto da janela da sala das aparições e cemecei a rezar o rosário com as pessoas. Às 18:00 h vi os videntes entrarem na casa paroquial.

Começamos a rezar o quarto mistério doloroso, quando perdi a consciência, não podia ver nem ouvir ninguém. A única coisa que lembro foi que senti a presença de Nossa Senhora. Ouvi sua voz, a doce voz de uma mulher sábia e compreensiva que me falava em inglês, mas não a pude ver [...]. As palavras da mensagem e a impressão que fiquei me assustaram, mas não porque estava escutando, nem pelas palavras, mas pela responsabilidade que a Virgem me obrigou a aceitar, porque sabia que a mensagem que estava me comunicando envolvia o dever de informar e eu não queria viver a vida de perseguição que viveram outros profetas. Então me neguei a escutar e voltei ao meu rosário, mas ela seguiu falando e não me permitia orar.

Quando terminei me levantei tão rápido como pude. O taxista me levou de volta para minha casa. Então comecei a rezar em voz alta porque não queria escutar a voz interior, porque sabia que a experiência era real. Meia hora mais tarde chegou meu amigo, Dom Villa, relatei a ele os fatos ocorridos e contei a mensagem que tinha recebido. Perguntou-me se tinha lido o livro “The Three Days Darkness” (Os Três Dias de Escuridão), um livro do qual eu nunca tinha ouvido falar. Então me disse, “Estás descrevendo exatamente o que está escrito nesse livro.

Devo explicar que as palavras que escrevi primeiramente são as palavras exatas da mensagem que me foi dada pela Madona, enquanto que o segundo texto contém minhas impressões e também dá mais informação da Santíssima Virgem Maria do que acontecerá.

 


A MENSAGEM DA SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA

Não tenha medo dos três dias de escuridão que virão sobre a terra, porque os que vivem minha mensagem e seguem uma vida de oração interior serão alertados por uma voz interior, dos três dias, uma semana antes de que ocorram.
Meus filhos, devem continuar arrependendo-se de seus pecados e devem orar mais como Eu tenho recomendado. Devem procurar água benta, artigos religiosos bentos e ter uma especial devoção ao Sagrado Coração de Jesus, deixando sempre uma vela acesa “de vigília” diante dele.

Devem contentar-se em satisfazer as necessidades básicas da vida e serem menos dependentes dos bens materiais. Os sacerdotes não só devem se ocupar de sua vida de oração interior, mas também do desenvolvimento da vida de oração interior de seus fiéis. Do mesmo modo devem evitar os que falam de revoluções e rebeliões. Aqueles que falam de revolução e rebelião são os discípulos do Anticristo.

Estou triste pelos religiosos do Ocidente que renunciaram aos seus sinais de consagração. Sobretudo, serão tentados por Satanás e não serão capazes de resistir aos ataques espirituais e físicos. Devem voltar a uma vida de santidade e obediência a Cristo, Meu Filho.

Não tenham medo de nada nem de ninguém. Refugiem-se no amor de Deus mediante a oração, a leitura da Bíblia e recebendo os sacramentos. Eu estarei com vocês durante o tempo da angústia e Meus filhos podem confiar em mim para encontrar um refúgio seguro.

Aqueles que estão lutando para vencer os pecados pessoais não devem se desesperar, porque Deus terá em conta seus desejos e seus esforços em superar seus pecados.
Vão na paz de Deus
.”

 


AS IMPRESSÕES DE FREI DAVID E OUTRAS INFORMAÇÕES QUE RECEBEU DA VIRGEM MARIA

Durante estes três dias de escuridão não ficará no inferno nenhum demônio. Todos estarão na terra. Estes três dias serão tão escuros que nem sequer poderão ver as mãos diante de seu rosto.

Naqueles dias, quem não estiver em estado de graça, morrerá de terror por causa dos terríveis demônios que verão. A Senhora me disse para fechar todas as portas e janelas, e não responder a ninguém que chamar de fora. A maior tentação que teremos será porque o diabo imitará a voz de nossos seres queridos. Ela disse: “Por favor, não escutem porque esses não são seus seres queridos, os demônios estarão tratando de atraí-los para fora de casa.”

Quanto ao lugar onde vivo: no princípio dos três dias haverá pessoas que tratarão de cruzar o rio (Rio Grande) mas não terão êxito porque não serão capazes de ver e se afogarão. Ficarão tão aterrorizados que se matarão uns aos outros, e morrerão em um estado de pecado.

A Senhora me disse que Deus escolheu algumas pessoas que serão mártires no início dos três dias de escuridão, mas não devem ter medo, Deus lhes dará a perseverança e, depois do martírio, os anjos os levarão em corpo e alma ao céu.

Ela insiste em que oremos ao Senhor para que esses dias não venham no inverno e que não haja mulheres grávidas a ponto de dar a luz, porque se acontecerem no inverno o frio será intenso, não terá nenhum meio de calor artificial e as mulheres que estão para dar a luz não terão cuidados médicos.

 

 

Deu-me duas graças que não posso revelá-las a ninguém.

Também disse: “As pessoas não devem ir em busca de sinais e não devem perder tempo tratando de descobrir a data.” Sugeriu-me isto porque disse que havia um homem que pregava a data exata dos três dias de escuridão. Quando perguntei à Senhora sobre esta profecia Ela só disse: “Tenha cuidado com os que dão datas. Se se conhecesse a data a pessoas viveriam só atendendo a data e não se converteriam por amor a Deus.”

Disse que as horas de escuridão serão só 72 horas e a única maneira será contar pelos relógios mecânicos, porque não haverá eletricidade.

Depois desta purificação será primavera. Tudo estará verde e tudo estará limpo. A água será cristalina, inclusive a água dos canos das casas. Não haverá contaminação na água ou no ar, ou nos rios. A coisa mais bela é que as pessoas viverão na natureza e não trabalharão para sobreviver senão por amor e com apoio mútuo.

A maneira mais importante para aplicar esta mudança é que se arrependam e vivam em caridade hoje. Viver em um estado de graça. É muito importante constituir uma comunidade de aliança fraterna onde se possa contar com o apoio dos irmãos. Os dias de escuridão serão muito difíceis para as pessoas sozinhas e pais de família onde existam adultos jovens, porque suas vozes serão escutadas lá fora.

Os pais, deverão ensinar os filhos e filhas a rezar. Durante as horas de escuridão as orações das crianças serão milagrosas.


UMA MENSAGEM PARA OS SACERDOTES

Quero acrescentar a mensagem aos sacerdotes. Eles tem a responsabilidade de falar sobre estes acontecimentos a todos seus fiéis, de dar-lhes força, conversão e dizer-lhes que não tenham medo. Eles têm a obrigação de transmitir esta mensagem e de não ter medo de comunicá-la, porque a mensagem foi revelada a muitos santos e não podemos perder tempo ignorando-a.

Devem fazer todo o possível para ensinar as pessoas a se converterem e a orar [...]. Também devem ensinar a não se preocuparem pelas posses materiais, dinheiro, poder, trabalho, etc. porque não vale a pena.

Do mesmo modo, devem pregar como se prepararem para a morte. É importante pregar sobre as coisas finais para os seres humanos: morte, juízo, paraíso e inferno. Pregar explicitamente sobre a consciência do pecado, especialmente do pecado mortal, com suas consequências mortais.

 

 

O Senhor prefere uma conversão pelo amor mas se for necessário, que seja por temor às represálias. No entanto, aceitará qualquer conversão e a receberá porque Ele nos ama e quer nossa salvação. Por amor ou por medo, a única coisa que importa é que nos entreguemos a Ele. Os sacerdotes têm a obrigação de guiar as pessoas, especialmente através do exemplo de sua vida e da dedicação absoluta a Cristo.


O GRANDE SINAL QUE PRECEDERÁ A HORA DA TRIBULAÇÃO

Antes da grande tribulação haverá um sinal. Vamos ver no céu uma grande cruz vermelha num dia de céu claro, sem nuvens. A cor vermelha representa o sangue de Jesus que nos redimiu e o sangue dos mártires escolhidos por Deus no dia da escuridão.

Esta cruz será vista por todos: cristãos, pagãos, ateus, etc. e também por todos aqueles que estão “preparados” (existem pessoas que não tendo ouvido falar do Evangelho têm a voz de Deus inscrita no santuário de sua consciência), os quais serão guiados por Deus a Cristo. Eles receberão a graça de interpretar o significado da cruz.

 



Fonte:
http://forosdelavirgen.org/7886/revelacion-a-fray-david-lopez-sobre-la-gran-tribulacion-y-los-tres-dias-de-oscuridad-eeuu-14-de-agosto/





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 08/04/14 às 06:53:47 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.


Visite o espacojames nas redes sociais:



LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES