CAMINHANDO COM MARIA ROSA MYSTICA


18/06
Artigo visto 11 vezes

Maria, Mãe da Caridade

Maria era virgem, Mas casada com São José. Parece uma contradição. A palavra grega significa uma situação de noivado, mas não de pessoa casada. A instituição do noivado previa um acordo quase definitivo e introduzia os noivos no estado matrimonial. No momento da Anunciação, Maria vivia em situação de noivado. Foi o divino Espirito Santo que inspirou a virgindade para o mistério da encarnação que devia se realizar num contexto familiar, apto para o crescimento da criança. (Papa João Paulo II)

Tenham confiança plena e uma devoção filial a Maria, templo do divino Espírito Santo, Mãe de Deus e da Igreja, modelo de contemplação e de todas as virtudes... Em Maria, imitemos a caridade com que ajudou os fiéis na Igreja. Contemplando Maria, as nossas almas se abrem a caridade com que ajudou o nascimento dos fiéis à Igreja. Contemplando Maria, as nossas almas se abrem à caridade, sentindo-nos todos unidos à Igreja e à humanidade para que a nossa vida se fortaleça na oração em benefício do Corpo Místico de Cristo e do mundo inteiro. (Papa Paulo VI)

Mensagem de Maria Rosa Mystica a Pierina Gilli (07/06/1978) –

Na cruz do meu divino Filho, o Senhor Jesus abriu seus braços para salvar a todos e agora juntos abrimos nosso Coração para doar todo o nosso amor, para que tantos filhos recebam a graça do Senhor que é misericordioso. Meus filhos, eu sou sempre a vossa Mãe de amor e Mãe da divina graça.




 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!

Total Visitas Únicas: 5.827.227
Visitas Únicas Hoje: 585
Usuários Online: 226