Os Dez Mandamentos: Primeiro Mandamento - Amar a Deus sobre todas as coisas
Espacojames



Página Inicial
Listar Catecismo




Artigo N.º 8997 - Os Dez Mandamentos: Primeiro Mandamento - Amar a Deus sobre todas as coisas
Artigo visto 3039




Visto: 3039
Postado em: 22/10/11 às 11:38:45 por: James
Categoria: Catecismo
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=17&id=8997
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Catecismo


"AMARÁS O SENHOR, TEU DEUS, DE TODO O TEU CORAÇÃO, DE TODA A
TUA ALMA E DE TODO O ENTENDIMENTO" (Mt 22,37)

I - “Adorarás o Senhor, teu Deus, e o servirás”

Deus se fez conhecer por sua ação todo-poderosa, benigna e libertadora. A primeira palavra contém o primeiro mandamento: “Adorarás o Senhor, teu Deus, e o servirás. (...) Não seguireis outros deuses" (Dt 6,13-14).
O primeiro apelo de Deus ao homem é que ele o sirva e o adore. Este primeiro preceito abrange a fé, a caridade e a esperança.

A FÉ :

Nosso dever em relação a Deus é crer nele e dar testemunho dele. O primeiro mandamento também nos ensina a ser vigilantes em nossa fé e a rejeitar tudo que a contraria.

Formas de se pecar contra a fé :

Dúvida : é recusar ou hesitar em crer naquilo que Deus revelou.
Incredulidade : é se recusar totalmente a ter fé.
Heresia : é recusar, após o Batismo, em crer em qualquer verdade com a devida fé que se deve ter.
Apostasia : é o repúdio total da fé cristã.
Cisma : É se recusar a se sujeitar ao Sumo Pontífice ou à comunhão com os membros da Igreja a ele sujeitos.

A Esperança :

Quando Deus chama e se revela para o homem, este não pode responder plenamente ao chamado por suas próprias forças. O homem deve esperar que Deus lhe dê a capacidade de corresponder a este chamado. É o aguardar confiante da benção divina e da visão que produz a felicidade de Deus; é também o temor de ofender o amor a Deus e de provocar o castigo.

Formas de pecar contra a Esperança :

Desespero : Quando o homem não acredita mais em sua própria Salvação e nem nos meios de alcança-la.
Presunção : Quando o homem pensa que pode salvar a si mesmo pelo próprio esforço humano ou quando pensa em ser salvo sem esforço algum, acreditando na misericórdia divina.

A Caridade :

É amar a Deus acima de tudo, por Ele mesmo e por causa Dele. Pode-se pecar, contra o amor a Deus de diversas maneiras.

Alguns exemplos:

Indiferença, ingratidão, tristeza, a acídia ( = recusar a alegria que vem de Deus ) e por fim o ódio a Deus, considerando que Ele proíbe os pecados e impõe as penas.



II - "Só a Ele prestarás culto"


A virtude da religião nos deixa dispostos a prestar culto a Deus.

Formas de culto :

Adoração: é aceitar Deus como nosso Criador e Salvador, Senhor do mundo e tudo o que nele existe. "Amarás o Senhor, teu Deus, é só a Ele prestaras culto" (Lc 4, 8).

Oração: é a forma que temos de demonstrar a nossa adoração ao Senhor. Ex.: prece de louvor, de ação de graças, de interseção e de súplica.
O Sacrifício: é justo oferecer sacrifício a Deus em sinal de adoração, reconhecimento, súplica e comunhão. É toda ação feita para se unir a Deus em Santa Comunhão e para ser feliz.
O sacrifício perfeito foi aquele feito por Jesus Cristo na cruz, em oblação (= entrega) ao amor do Pai para nos salvar.

Votos e Promessas:

Nós cristãos somos convidados a fazer promessas a Deus.
Promessa : podemos fazer promessas, por devoção a Deus, em forma de um ato, uma oração, uma esmola, peregrinação, etc... Ser fiel à estas promessas é demonstrar respeito a toda majestade divina do Senhor.

Voto : é uma promessa feita livre de um benefício qualquer. É um ato de se consagrar a Deus ou lhe prometer uma obra boa. Ao cumprir seus votos, o cristão da a Deus o que lhe prometeu e lhe consagrou.

III - "Não terá outros deuses diante de mim"

O primeiro mandamento nos proíbe de prestar honra a outros deuses afora ao único e verdadeiro Deus. Temos então de tomar cuidado com a superstição e a irreligião. A primeira é um excesso perverso de religião e a outra e o oposto, ou seja, a deficiência à virtude da religião.

Idolatria

Não podemos ter "ídolos" de ouro, nem prata, nem obras feitas pelos homens, nem o próprio homem. Esse ídolos são vãos e nos podem tornar vãos como eles.

Idolatria é o ato de divinizar o que não é Deus. E isso infelizmente, ocorre quando o homem adora e venera uma criatura no lugar de Deus, quer sejam deuses ou demônios (como no satanismo), do poder, do prazer, da raça, dos antepassados, do dinheiro, etc.

Adivinhação e magia

Deus pode revelar o futuro a seus profetas e santos, mas o verdadeiro cristão é aquele que se entrega com confiança à providencia divina no que se refere ao futuro e abandona a curiosidade doentia a este respeito.

Tudo que se supõe adivinhar o futuro (astrologia, horóscopo, etc...), deve ser rejeitado.

Práticas de magia ou feitiçaria são gravemente contrários à virtude da religião. É mais condenável quando são usadas para prejudicar a outrem.

Irreligião
São pecados que consistem em :

Tentar a Deus: é quando colocamos à prova sua onipotência e bondade. (veja Mt 4, 1-11).
Sacrilégio: é profanar ou tratar indignamente os sacramentos e as ações litúrgicas, pessoas, coisas e lugares sagrados a Deus.

Simonia: é a compra ou venda de realidades espirituais. É impossível comprar com dinheiro os dons de Deus, pois só Ele pode da-los a nós gratuitamente.

Simão, o mago queria comprar o poder espiritual que via nos apóstolos. Pedro respondeu : "Pereça o teu dinheiro, e tu com ele, porque julgaste poder comprar com dinheiro o Dom de Deus" (At 8,20)

Ateísmo

Consiste em não perceber ou explicitamente, rejeitar a união íntima e vital com Deus. Se funda em uma cooperação falsa da autonomia humana, que chega a recusar a toda a dependência em Deus.

IV "Não farás para ti imagem esculpida de nada"

Pode-se encontrar a explicação no livro do Deuteronômio (Dt 4,15-16). Mas e as imagens dos santos e santas que vemos na Igreja? Como entender isso?

Deus, no Antigo Testamento, permitiu a instituição de imagens que conduziriam SIMBOLICAMENTE à Salvação por meio do Verbo Encarnado. As imagens devem servir como um símbolo para nos lembrar a quem devemos prestar respeito. Apenas isso.

O primeiro mandamento proíbe os ÍDOLOS. "A honra prestada às imagens se dirige ao santo que representa tal imagem" Queremos deixar bem claro que a honra prestada às santas imagens é uma "VENERAÇÃO RESPEITOSA" que é diferente de ADORAÇÃO.

 


Fonte: http://www.catequisar.com.br



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!

Lenço Branco de N. Senhora
Saiba o que é, como fazer e as orações necessárias.
Óleo de São Rafael e Santa Filomena
Saiba mais sobre este santo remédio em tempos difícies
As 15 Orações de Santa Brígida
As promessas de Jesus para a alma que rezar estas orações.
Jesus eu Confio em vós
Nada negarei a alma que às 3 hs da tarde recitar minhas orações
Devoção às Gotas de Sangue de Cristo
Será livrado das penas do Purgatório.
Para os irmãos protestantes
Foi no colo de uma mulher que Deus colocou toda esperança do mundo



Total Visitas Únicas: 8.699.464
Visitas Únicas Hoje: 791
Usuários Online: 219