Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 10353 - Há oito anos foi entronizada na gelada Antártida a imagem de Nossa Senhora mais austral do mundo.
Artigo visto 2219




Visto: 2219
Postado em: 28/11/12 às 08:44:11 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10353
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Em uma particular expressão de mandato evangélico de ir por todo o mundo para levar a Boa Nova a todas as pessoas, uma expedição espanhola composta por cientistas e militares levou uma réplica da imagem de Nossa Senhora de Vallivana, padroeira da localidade valenciana de Picassent até a base espanhola “Gabriel de Castilla” na Antártida. A entronização da imagem aconteceu no dia 24 de novembro de 2004, há exatamente oito anos.

Esta imagem de 50 centímetros de altura, localizada na Ilha Decepción e venerada pelos efetivos da guarnição militar durante sua estância anual de novembro à março, é a imagem da Santíssima Virgem localizada mais ao sul do planeta. Segundo a Confraria de Nossa Senhora de Vallivana, em Picassent, Nossa Senhora “continua sendo acolhida com enorme carinho por parte das tripulações de outros navios que visitam a base”.

Não existe notícia de que exista outra imagem mais ao sul que a padroeira de Picassent”, informaram fontes da Confraria à agência AVAN. A Santíssima Virgem “faz parte da equipe e os expedicionários a saúdam e se despedem dEla enquanto chegam ou saem da base”, acrescentaram.

Esta réplica da imagem talhada em madeira e venerada em Picassent é obra da escultora Isabel Martínez e foi fabricada em resina de poliéster com decorações em ouro e prata. Antes de sua viagem foi abençoada pelo então reitor do Seminário de Valência, Padre Rafael Albert e disposta em um contêiner especial de ferro hermeticamente fechado e adequado com uma espuma resistente a temperaturas inferiores aos quarenta graus abaixo de zero.

O promotor da iniciativa foi o subtenente especialista da Unidade Militar de Emergências de Bétera, Juan José Lara, oriundo de Picassent e membro da confraria Nossa Senhora da Vallivana e que fez parte da expedição que viajou à Antartida em 2004. Pelas excepcionais características climáticas do lugar, a imagem foi entronizada dentro de uma urna especial e permanece intacta apesar das inclemências do clima do continente congelado. (EPC/GPE)

Com informações de AVAN.


Fonte: http://www.comshalom.org/blog/carmadelio/



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!

LEIA TAMBÉM
Prioridade da Igreja em Hong Kong: formar os jovens para autênticos matrimônios cristãos.
Cristãos substituem logotipo da Apple em produtos por uma cruz: “A maçã mordida simboliza o pecado original”.
EUA: Padre Roy Bourgeois é punido canonicamente por ordenação inválida de mulher
Estátua de Papa João Paulo II é refeita em Roma após críticas
Itália confirma que Igreja Católica começa a pagar imposto em 2013
Big Brother Real: Sorria, seu carro está sendo seguido
Atores de peça que mostra Jesus gay serão julgados por blasfêmia na Grécia
Conselho da Agenda Global discute Nova Ordem Mundial em Dubai
Santo Sepulcro se vê entre dívidas milionárias e impasse político
Veja mais artigos relacionados
 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.266.224
Visitas Únicas Hoje: 851
Usuários Online: 251