Espacojames


Página Inicial
Listar Artigos Site Aarão




Artigo N.º 1685 - Padres de Batina
Artigo visto 1788 vezes




Visto: 1788
Postado em: 03/06/09 às 18:05:35 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=1685
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

Quero falar neste artigo sobre um tema que é muito discutido e inclusive polêmico.

O traje clerical
Que o uso da batina ou aos menos da "camisa de clergyman" é
obrigatório todos sabemos, está no codigo de direito canônico.

Can. 284 ; Os clérigos devem vestir um traje eclesiástico digno, de acodo com as regras estabelecidas pelas conferências episcopais  e os costumes legítimos do lugar..
        
Então por que a maioria dos sacerdotes não usa ?     
As desculpas são das mais variáveis possíveis, calor, que seu uso  afasta as pessoas (está é absurda), entre outras que todos nós já estamos calejados de saber. 
          
Mas não estou interresado em escrever sobre as "desculpas" do clero desobediente quanto a está regra da Igreja.
E sim sobre os benefícios que o uso do traje clerical pelos sacerdotes traz para o rebanho católico.
         
Eu particularmente nunca tive a graça de ver um ministro do altíssimo usando batina .
 
Espero que vocês tenham tido mais sorte do que eu !         
  
Fui perguntar "pessoalmente" aos fiéis e aos padres sobre a impressão que causa ao avistarem um homem a usando ou ser avistado a vestindo (padre).       
            
E a maioria das respostas estão em perfeita sintonia, apesar de que os entrevistados são das mais variadas localidades do Brasil e além fronteiras.
O que mais foi dito foi que, o padre que a usa é valente, santo, que descobriu a preciosidade de uma batina, seu grande escudo, que naquele que está à trajando se reconhece que é um servo do altíssimo e que vive o que prega.
As pessoas se sentém protegidas, se comportão com modéstia e respeito (diferente do que ocorre quando se deparam com padres galãs); entre outros elogios que infelizmente não caberá todos aqui.
 
E nada melhor do que ler o que os sacerdotes tem a dizer, coloco dois testemunhos de como o traje clerical é importante no dia a dia deles.
       
"Muitas vezes, andando de clergyman pelas ruas ou de carro as pessoas param para perguntar algo, para pedir a benção" etc...
 
Quase sempre que eu pego um táxi, por estar de clergyman ou batina, naturalmente começa uma conversa sobre religião, que serve para tirar dúvidas das pessoas e para falar-lhes de Deus. Pelo menos em duas vezes, os motoristas de táxi quiseram se confessar depois de muitos anos.
 
Muitas pessoas quando encontram um padre usando o colarinho de padre, lembram de Deus e ficam contentes ao ver que existem pessoas dedicadas exclusivamente às coisas espirituais.
 
O padre de batina não fica distante das pessoas porque os outros procuram no padre não um amigo a mais, mas um homem de Deus, acolhedor, mas também uma pessoa que transmita autoridade e segurança".(Padre pediu anonimato)
 
"A primeira reacção das pessoas que não me conhecem é, geralmente, positiva. Alguns elogiam abertamente; outros, a maioria, limita-se a sorrir.(Ao vê-lo de batina).
 
A grande mudança na atitude das pessoas dá-se nos locais públicos. Ao fim de almoço, regra geral, vou tomar café. Quando entro no estabelecimento, se as pessoas presentes estão a ter alguma conversa menos própria, basta que eu entre para ficarem em silêncio ou mudarem de conversa.

Há poucos dias atrás, tomei a iniciativa de ir visitar um doente, acamado, que durante perto de 40 anos não foi à Santa Missa nem se aproximou do Sacramento da Reconciliação. Depois de invocar a ajuda do meu Anjo da Guarda, fui a casa dele. A filha desse senhor recebeu-me com alguma surpresa e perguntei-lhe se podia visitar o pai dela. Ela disse-me que sim, mas aconselhou-me a tirar a batina para o pai não se assustar e não recusar a visita. Respondi à filha que não valia a pena tirar a batina. De facto, assim que entrei no quarto do senhor, ele percebeu que era sacerdote e, ainda antes de eu poder dizer o que quer que fosse, já estava a dizer-me, com os olhos em lágrimas: “Ai que o senhor Padre veio ver-me!”.  Pude atendê-lo de confissão e tenho ido visitá-lo com frequência, levando-lhe  Jesus Sacramentado."(Padre José Alfredo) 
Estes são apenas dois do testemunhos que recebi, infelizmente não deu para colocar todos aqui, pois se fosse fazê-lo iría ficar muito extenso e cansativo o texto.
Somente esses dois testemunhos nos monstra como traje clerical é importante para as ovelhas.
Muitas vezes a salvação de dezenas de almas depende do uso daquela roupa negra e austera pelos sacerdotes.
"Batina é o distintivo, a farda de um soldado. Já viste policial, um reles deles, sem farda? Sem farda ele perde a autoridade. Também assim é o padre. Se ele não estiver a usando ele se mistura ao povo, e o povo "o engole";(Aarão)
Vamos implorar a Deus para que nossos seminaristas e sacerdotes voltem a usá-la !
E encerro este artigo com duas frases de grandes Santos sacerdotes:
"O padre não vai sozinho para o céu. Nem para o inferno. Se agir bem, irá para o céu com as pessoas que ajudou com seu bom exemplo. Se for infiel, se se envolver em escânda-los, se perderá com as pessoas condenadas por seu escândalo". Dom Bosco
"O Sacerdote, ou é um Santo, ou é um demônio." Ou santifica, ou arruína. Pe. Pio.
O modo de se vestir diz muito aonde ele, o padre, se encaixa em estás "falas".
Pax Vóbis !
Danilo Tavares, Fili Eclesiae Catholicae.


www.recados.aarao.nom.br

 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 6.945.017
Visitas Únicas Hoje: 651
Usuários Online: 315