Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.419.980
Visitas Únicas Hoje: 521
Usuários Online: 313
Sistema de Busca

 

Artigos Site Aarão
Aqui estão relacionados alguns dos artigos extraídos do site www.recados.aarao.nom.br, site do Sr. Arnaldo que com inspiração divina, colocam matérias belíssimas que nos aproximam do amor de Deus e nos conduz à salvação.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1997 - Impresso: 58 - Enviado: 25 - Salvo em Word: 49
Postado em: 24/03/10 às 17:44:47 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=4689
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

No artigo anterior eu direcionei as baterias apenas para a parte da Igreja Católica e para o caso dos maus sacerdotes, neste vamos falar sobre este mundo que se esvai, que irá brevemente atingir os pícaros do abismo. Nós temos procurado alertar as pessoas, desde há muitos anos, seja nestes textos, seja nos livros, para a montagem acelerada do palco do fim do mundo, onde e espraia o campo do verdadeiro Armagedom – não falo daquele mencionado no Apocalipse – mas sim o mundial, onde acontecerá a terrível e assustadora batalha final, entre o bem e o mal. Entres os filhos de Deus, com Deus, contra o inferno e os demônios, e alguns homens a eles aliados.

Momentos atrás eu recebi um e-mail de uma mulher com a seguinte e única pergunta: é verdade que o mundo vai acabar? Ao que eu respondi com clareza: SIM... Acabará este mundo podre, de pecados, de imundícia, de aborto, de homossexualismo, de mentira, de corrupção política, de guerras, de acidentes, de drogas e bebidas... E veja aqui que estou falando em fim do mundo, coisa que os que nos acusam de milenaristas costumam assacar quando querem escarnecer da gente. Mas como segui lembrando para a mesma mulher, nosso planeta a terra, esta não acabará, nem serão exterminados todos os homens, porque uma coisa é este mundão podre e imundo que a besta quer nos impingir, outra a terra fantástica e paradisíaca que virá depois que tudo se consumar, e as Escrituras se cumprirem na íntegra.
 
Observem, porém a incrível civilização que o homem atual montou sobre este planeta, e tentem imaginar o que será necessário para deixar sobre ela um monte de caos e um punhado de gente, uns poucos que acreditam nesta mudança em Deus? Coloquem sua mente a funcionar e tentem imaginar o cenário que se descortinará diante dos olhos estupefatos deste punhado de gente, que tiver a missão de estar vivo até o fim de todas as tribulações! Eu lhes posso afiançar, com toda certeza de meu coração, a palavra forte de Jesus para os dias que chegam é esta: os vivos invejarão os mortos! Eles quererão morrer e não conseguirão! Os vivos estarão de tal modo abatidos, que mais parecerão zumbis, se arrastando sobre multidões de cadáveres e montes de escombros. De fato, até o fim a morte deixará aqui um sinistro rastro de destruição.
 
Nos dias que passaram, tirei alguns minutos para assistir ao Discovery na série sobre o Armagedon, e pude ir fazendo um comparativo entre o que eles prenunciam, e aquilo que nós colocamos no livro A Caminho do Fim. E muitas passagens conferem com o que de fato acontecerá embora a maioria das indicações seja voltada para a salvação da própria pele, é o que buscar achar: que fazer para escapar vivo da hecatombe! E este é o primeiro diferencial do nosso movo de ver o Apocalipse, porque nossa única preocupação doravante deve ser com a alma – nossa e dos nossos familiares – é para isso que nos alerta São Pedro. O mais tudo vai se desintegrar! O próprio homem fará isso, porque na pressa acabará por acender o estopim de sua autodestruição.
 
Em mensagens antigas Jesus falou aos seus profetas atuais, que Ele vem para “reduzir a zero todas as combinações humanas, e para abater todas as nossas leis”. Sinal claro este de que tanto nossos projetos estão fora do pensamento de Deus, quando Ele não aprova a nenhuma de nossas leis. E como as aprovará, se por um caminho bestial e depravado, todos os reinos da terra resolveram aprovar leis que vão exatamente ao oposto das leis divinas? Como reza o Salmo 2, 1 Por que tumultuam as nações? Por que tramam os povos vãs conspirações? 2 Erguem-se, juntos, os reis da terra, e os príncipes se unem para conspirar contra o Senhor e contra seu Cristo. 3 Quebremos seu jugo, disseram eles, e sacudamos para longe de nós as suas cadeias!
 
Impressiona-me a forma rápida, terrível a assustadora com que os adeptos do anticristo e seus executores tramam o governo mundial, estabelecendo, em cada nação, as leis básicas que darão sustentáculo ao governo do filho do demônio. De fato, todos os governos da terra já obedecem ao anticristo, tanto que, biblicamente seu tempo de domínio de três anos e meio, já corre e já vai longe. Segundo o contador do site
www.fimdostempos.net faltam neste momento, apenas 700 dias, 8 horas, 26 minutos e 14 segundos para sua entrada triunfal no mundo, para o chamado Dia da Declaração. Eu não tenho nenhuma dúvida quanto a isso, e até me pergunto se levará tanto tempo, dada a fúria com que seus agentes trabalham.
 
O leitor menos avisado poderá achar exagero, mas aqueles que já estão acostumados com a linguagem do fim dos tempos, facilmente conseguem ler, nas linhas do nosso próprio governo brasileiro, que tudo isso se arma. Aqui se tramam as leis malditas que preparam inicialmente o governo tirânico da ditadura, as mesmas leis que mais tarde irão ser usadas pelo draconiano governo mundial do anticristo. Estas leis são as do aborto, ligadas a toda a causa gay, tudo o que afronte os princípios que regem a vida humana, além do cerceamento da liberdade, do controle da internet e dos meios de comunicação, em todo mundo sinais da preparação de governos ditatoriais. Leis que irão cercear a liberdade de culto e de religião, e desencadear a mais furiosa de todas as perseguições já havidas neste planeta, e isso em todos os tempos.
 
De fato, todos os tiranos da terra até hoje havidos, conseguiram introduzir em suas nações as leis de controle da imprensa, da comunicação e a suspensão dos direitos e das garantias individuais. Assim, embora aqui no Brasil nos pareça que a candidata do partido da situação já esteja eleita para muitos, eu insisto naquilo que vi num sonho, e que sem dúvida acontecerá. Virá a ditadura, e você já sabe quem será o tirano. Presumo que o lançamento da candidata ex-guerrilheira, cuja ficha na polícia é extensa e da qual ela não se pode livrar, acabará nada mais sendo do que um balão de ensaio visando o estado ditatorial e policialesco, com um possível terceiro mandato. As notícias sobre esta possibilidade já correm, e então virá um plebiscito. É possível!
 
Mas deixa esta podridão para lá, porque quero aqui delinear um sucinto apanhado de eventos futuros, que vão exatamente acontecer, tendo em vista a ação do governo mundial e a última explosão do mal. Vejam que Deus, Todo Poderoso, levou bilhões de anos para criar com perfeição a esta terra, com toda a sua vida de complexidade infinita, dando condições de vida aos seus filhos, os homens. Tudo isso é montado em bases de uma perfeição inaudita, e se de um lado é pujante no todo, contém cordéis frágeis que podem desencadear um processo de destruição em massa. Basta que o homem faça uso de determinadas tecnologias já existentes, para provocar o caos.
 
Como já expliquei no comentário do artigo anterior, ainda bem que temos um Deus atento, que impõe limites ao inferno – e ele respeita – menos o homem, embora a este Deus já tenha, sabiamente, limitado a inteligência para que não ultrapasse o limite que leva ao colapso do planeta. Nós vemos agora as nações em crise imensa, e mesmo o gigante americano prepara seu túmulo. Analise recente sobre a dívida americana de curto prazo, mostram que eles têm dívidas de curto prazo superiores a três trilhões de dólares, e mesmo somando seus milhares de toneladas de ouro, suas reservas internacionais e tudo o que poderiam usar para pagar esta dívida, tudo não chega a 1/3 parte do necessário. Para cobrir isso eles estão usando a máquina de emitir moeda, e quem já viu o Brasil de Juscelino, sabe que isso significa erguer o alfanje da guilhotina inflacionária. E se aquele monstro cair – e cairá – o mudo desaba com ele.
 
Por qual motivo começo pelo lado econômico da questão? Porque as pessoas precisam de trabalho, de dinheiro para comprar as coisas, e de condições para produzir os alimentos e bens de que necessitam. Ora, o mundo moderno, com seus bilhões de habitantes, montou um gigantesco e complexo sistema de abastecimento de víveres – fiquemos com a comida, que desta todos precisam – de modo que bastam apenas alguns entraves para em uma semana provocar um terremoto, uma hecatombe humana. E isso não somente no Brasil, mas em todo mundo. O fato é que a maioria das famílias não tem em casa, nem consegue manter um estoque de alimentos para mais do que uma semana, a imensa maioria nem tem para um dia.
 
Se me faço entender, o Apocalipse e as demais passagens das Escrituras nos falam de fome, de pestes inauditas, que assolarão o planeta durante os tempos finais. Digam-me o que aconteceria se Deus permitisse que os venenos colocados na produção dos nossos alimentos, cumprissem o efeito em cadeia e nos atingissem? Digam-me o que aconteceria se Deus permitisse que os germens e as bactérias nocivas atacassem os estoques de comida, dizimando-os todos em alguns dias? Digam-me o que nos iria acontecer se os efeitos nocivos do clima, causados pelo homem, de uma hora para outra sustassem todas as colheitas? Ora, o homem é que irá produzir estes germes e estas bactérias, agindo em pressa inaudita e insanamente sem medir o alcance de seus atos. Sim, falo isso porque o orgulhoso ser humano acha que é ele quem provê tudo isso, que pode tudo, e que pode até prescindir do poder do Altíssimo.
 
Bem, tudo isso é absolutamente possível, e não está longe de acontecer. Quero deixar bem claro como sinal e síntese deste artigo, que de duas uma: ou o homem, de uma vez por todas, e para todo o sempre declara e aceita a existência de um Deus, que a tudo domina e comanda, ou será exterminado da face do planeta. Ele se exterminará! Ou seja: estamos no início de uma batalha terrível, onde alguns homens insanos, sentados em cima de quase toda a riqueza mundial, resolveram desafiar a Deus dizendo: vamos ver quem é mais poderoso, nós ou “este deus cruel do Armagedom”. Isso quando são exatamente eles os autores e que desejam do Armagedom, não Deus.
 
Assim, quando você escuta sobre preservação de “patrimônio histórico”, de “espécies animais ameaçadas de extinção”, de “controle populacional”, de “controle do meio ambiente”, e tantas outras coisas com fachadas de bem, saiba que ali está o dedo do diabo, que quer provar a Deus que ele é mais poderoso. E isso tudo desandará para um clímax tenebroso do qual escapará viva apenas diminuta parcela da humanidade.  Os que Deus quer preservar, e exclusivamente da casa de Jacó. Isso porque a insanidade de alguns homens chegou a uma tão profunda união com o mal, que não me deixaria surpresos fossem eles todos possessos. E digo que nem todos o são, porque a maldade deles ultrapassa o próprio demônio.
 
Nós caminhamos, assim, para os braços do anticristo, do governo mundial, ou seja: a globalização tão falada. Trata-se de um processo inexorável, que acontecerá, porque está nas Escrituras e nada ficará sem cumprir-se na íntegra. Quem, porventura, achar que isso poderá ser uma boa coisa, que trará efetivamente paz á terra, mais cedo do que imagina perceberá seu desatino. Todas estas pessoas cegas, obstinadas naquela velha tese do “sempre teve isso”, ou do “é louco quem fala uma coisa destas”, muito antes que terminem seus sorrisos de escárnio se verá metido no meio do turbilhão. Ou está interessado que aconteça e faz parte do processo. Mas fala pela língua do diabo.
 
Uma das simulações veiculadas pelo Discovery, trata de uma pandemia mundial, uma doença mortal que atingisse todos os continentes e paises, simultaneamente, e que levasse ao óbito bilhões de seres humanos. Pois acaso não está dito em Apocalipse 6 que foi dado a fera poder sobre a quarta parte da terra, para matar pela espada, pela fome, pela peste? Ora, tudo isso virá a um tempo só. Agora mesmo continuam a explodir na internet os alertas para que as pessoas não aceitem de forma alguma a vacina contra a gripe suína. Nossos amigos de Portugal nos disseram que lá isso não colou, porque o povo imediatamente sentiu que se trata de uma coisa perigosa, porque pode conter vírus mortais, com efeito retardado, capazes de dizimar povos inteiros. Numa palestra recente, o todo poderoso Bill Gates disse claramente que as vacinas serão utilizadas para diminuir a população do planeta. Pobre louco. O dinheiro lhe subiu a cabeça e cozinhou-lhe os miolos. Achei sempre que ele era um inteligente!
 
Que aconteceria ao mundo, se num dado momento faltasse de súbito praticamente todos os alimentos? Se de uma hora para outra entrasse em colapso o abastecimento de gêneros alimentícios, e isso em todos os países? Que fariam os pais de família vendo seus filhos morrer de fome? Sem dúvida eles iriam tentar achar este alimento, onde quer que fosse. Quem viu a reportagem feita pela Maitê Proença no Haiti, nos últimos dias, viu este povo comendo “bolinhos” feitos de barro e água de sal. E eram milhares, sequinhos ao sol. Numa reportagem na África, vi noutro dia as pessoas cavando poços profundos, contendo uma lama salitrada, com sais minerais, e comiam a terra assim mesmo, sem qualquer outro preparo. Também comiam ratos inteiros, sem com pelo e tudo, sem sequer lhes retirar os intestinos.
 
Pois bem, isso virá de novo e não demora tanto assim. E há passagens nas Escrituras onde está predito que em muitos lugares da terra se chegará o cúmulo de comer carne humana, porque haverá cadáveres em todas as localidades. Tudo isso acontecerá para os filhos da teimosia, os escarnecedores de plantão que se acham seguros com seu salário, seu bens, que se fiam na sua riqueza e na força de seus exércitos. Acontecerá para os que não amam a Deus, nem seguem os seus mandamentos, antes criaram para si este mundo abominável, e que agora implantam aqui suas leis diabólicas, que ferem os princípios da Lei Eterna. E ninguém que afronte estes princípios eternos, que estão na origem da vida ficará sem ter retorno em tormentos, devido a sua loucura.
 
O fato é que a maldade toma aos poucos o coração dos homens, e é cada vez menor o número das pessoas com olhos ainda abertos, capazes de perceber o avanço do mal. E há os que chegam ao absurdo de criticar a Deus achando que Ele deveria agir, e evitar que tanto mal acontecesse. Mas vejam o que Isaías profetizou para nosso tempo em 59, 1 Não, não é a mão do Senhor que é incapaz de salvar, nem seu ouvido demasiado surdo para ouvir, 2 são vossos pecados que colocaram uma barreira entre vós e vosso Deus. Vossas faltas são o motivo pelo qual a Face se oculta para não vos ouvir, 3 porque vossas mãos estão manchadas de sangue e vossos dedos de crimes; vossos lábios proferem mentira, vossa língua entretém pérfidas conversas.
 
De fato, 4 Pessoa alguma cita em justiça com razão, ninguém pleiteia de boa fé: apóiam-se sobre falsos argumentos, pretende-se aquilo que não é. Concebeu-se a intriga e gera-se o crime. 5 Chocam ovos de áspide, e tecem teias de aranha. Se, se comem seus ovos, morre-se, se se quebra um, sai dele uma víbora; 6 suas teias não poderiam servir para roupa, não nos podemos cobrir com o que tecem. Fazem obras infamantes, entregam-se a atos de violência. 7 Seus pés correm para o mal: têm pressa de derramar o sangue inocente. Meditam projetos malignos, só se encontram sobre sua passagem estrago e ruínas; 8 o caminho da paz lhes é desconhecido, seguem atalhos tortuosos, onde aqueles que passam ignoram a felicidade.
 
Haverá descrição melhor para a humanidade do nosso tempo? Como quererão eles pleitearem o auxílio divino, se a malignidade, a perfídia, a perversão de seus atos afasta qualquer possibilidade do amparo divino? Assim, quem tem um pouco de imaginação e de conhecimento dos sinais de nosso tempo, que apenas se liga um pouco nas Escrituras e nas profecias atuais, pode muito bem antever o que virá. No caso específico do Haiti, não fosse a proteção das forças internacionais de paz, aquilo já teria virado um inferno na terra, porque, incrível, na capital desabou o hospital matando todos os seus médicos e estudantes, enquanto a prisão com mais de 1.300 bandidos ficou intacta e todos escaparam ilesos, e já estão nas ruas. Olhem bem para o Haiti, e imaginem o que acontecerá, também aqui no Brasil.
 
Vejam esta mensagem recente ao Padre Santiago: As pestes surgirão em todos os lugares deixando grande tormento entre as famílias e a angústia será inseparável para muitos e isso fará com que a saúde do homem entre em crise. Também os hospitais serão insuficientes para atender as populações marcadas por doenças desconhecidas e a tristeza será ainda maior porque o poder das trevas assolará o mundo e este será um tempo de angústia e então os homens enfrentarão tormento espiritual, passarão por transtornos nunca vistos antes. É para isso que tentamos alertar, para que as pessoas se fortaleçam na oração, que as tornará capazes de suportar as loucuras que adiante nos esperam. O que se vê agora são pequenos acordes, a sinfonia de horrores.
 
Notícias que circulam nos meios de comunicação, falam que os cientistas já têm os vírus de mais de 160 doenças mortais, e podem provocar pandemias como arma de guerra a qualquer momento. Ninguém sabe o alcance de nada disso, mas com certeza plena será usado, para cumprir aquilo que previu Zacarias, “a língua lhes cairá da boca, estando eles falando, os olhos cairão das órbitas, estando eles de pé”. E quem me garante que coisas assim não estão sendo colocadas nas vacinas, estudadas para terem um efeito retardado, com os vírus se incubando no corpo de nossos filhos, para explodirem num momento por eles desejado? Por outro lado, alguém perguntará por qual motivo Deus não permitirá que funcionem os medicamentos de farmácia, se tantas doenças e ferimentos acontecerão?
 
Ele fará isso, para que o feitiço de volte contra o feiticeiro, e que os criadores das vacinas acabem por morrer eles mesmos dos bacilos que criaram, para que entendam a imensa miséria do seu nada, e o ridículo que é desafiarem ao Criador de tudo. Só Deus conhece até o infinito as leis que regem a matéria e a vida, e são loucos os que se metem a mudar estas leis. Entrementes, bilhões de seres humanos serão vitimados por estes males, porque simplesmente ignoram os avisos de Deus, fazem pouco caso dos alertas proféticos de nosso tempo, ou se acham eles mesmos os condutores deste processo. Como está na Escritura, o Senhor ri deles e os torna ridículos!
 
Eu coloco estas coisas, não para apavorar ninguém, mas por dois motivos principais. O primeiro é para incitar a todos aqueles que compreendem os sinais claros de tudo isso, a que não mais descansem de alertar, e especialmente de rezar para que mais e mais pessoas sejam esclarecidas e se tornem soldados deste tempo. O segundo motivo é para dizer a todos, que tudo isso é inexorável, acontecerá sem dúvida, mas que nós temos um Deus que está acima de tudo isso, e que virá em socorro dos seus filhos, no momento oportuno. Que nada faltará aos que temem a Deus, que rezam em família e que confiam plenamente no poder do Altíssimo. Porque, ao contrário, quem se fiar em si mesmo, não partilhar e tentar salvar-se sozinho estará entre os primeiros que irão desaparecer deste planeta.
 
Vejo que, embora todos os alertas que temos feito, ainda assim muitos dos nossos, mesmo entendendo os sinais, se preparam para estocar alimentos, e perguntam se não é tempo de preparar-se fisicamente. Para estes eu digo: louco é quem pensa assim! E não acreditem em profetas que mandam fazer estoques de alimentos, e de água, porque já fazem isso a 20 anos. O tempo em que vivemos é exatamente para um retorno ao deserto do Sinai, onde por 40 anos Deus sustentou milhões de pessoas sem trabalhar, mesmo não confiados Nele, que apenas cumpria Sua palavra. Eis que este povo tanto reclamou, tanto infernizou que apenas dois dos que saíram do Egito chegaram a terra prometida. A mesma coisa acontecerá agora, com os que confiam. Para estes nada faltará, para os outros nada haverá.
 
De fato, chega o tempo onde todos terão de entender e aceitar, e para todo o sempre, que existe um Deus que comanda tudo, e que sem o qual nada existe, nada subsiste e todo aquele que duvidar disso desaparecerá da face do planeta. Não adianta chiar, nem reclamar, nem berrar. O mundo maligno dos escarnecedores, dos ateus rebeldes e insanos, dos doutores da falsa doutrina, o mundo dos milhares de seitas e religiões, das sociedades secretas e dos seguidores do diabo, este desaparecerá engolfado em sangue. Também irá desaparecer para sempre, o demônio com todo o seu séqüito asqueroso, e com todos os homens e mulheres que o servem. Falo da sua eliminação total e absoluta, sem deixar nem semente nem raiz, nem ramos nem brotos, nem mesmo vestígio de suas más obras, pois é preciso que desapareça toda esta claque de amotinados contra o Criador, pois esta é a única forma de trazer paz ao planeta.
 
No mundo que Deus prepara para os filhos e filhas obedientes, não haverá espaço nem para dois partidos, nem para dois pensamentos: todos os homens e mulheres seguirão pelo mesmo caminho, e haverá império do Amor. Todos terão um único pensamento: fazer os outros felizes! Todos terão uma só ação: a partilha integral e amorosa de tudo o que existe, para o bem de todos. E todos terão um só Deus e Pastor para nunca mais a rebeldia, a corrupção dos costumes, os desvios da moral, nada que retire dos filhos de Deus a saúde perfeita e a alegria plena. Porque nunca mais haverá a dor, o sofrimento, a cruz e a doença, porque terá desaparecido o pecado, origem de todos os males que afligem ao homem.
 
Quando lá no início dos tempos houve a revolta dos anjos, Lúcifer prenunciava criar na terra um império onde os homens fossem governados pelo terror e a força, porque ele dizia que criaturas inferiores como os homens seriam incapazes de reger pelo amor. Pois o que se verificará nos próximos três anos será a derrocada de seu projeto, que tendo crescido muito nos últimos séculos acabará por se destruir a si mesmo, engolfado no próprio sangue. E ficará então provado, e para os infinitos tempos futuros de que o ódio é incapaz de criar para a perpetuação, e que somente o Amor é eterno. O amor vencerá, os filhos e filhas de Deus vencerão os amotinados, não pelas armas e espadas, mas sim pelo amor, esta uma certeza inarredável do nosso coração, pois marcada nas Escrituras.
 
Isso quer dizer que ninguém deve temer nada, desde que ligado em Deus. Devem temer, ao contrário, aqueles que seguem os caminhos do mal, os que estão distantes de Deus e não se acham necessitados da graça divina. De fato, Deus é tão imenso, tão Onipotente, Onisciente e Perfeito no Amor, que diante do Universo criado por ele, cada ser humano é menos ainda do que um átomo. Como nos poderíamos então rebelar-nos diante de tanta magnitude e de tanto Poder? Por outro lado, unidos a Ele, por que haveremos de temer algum mal?
 
Assim, até que ocorram os grandes acontecimentos finais, não armazene alimentos nem água, mas armazene oração e amor. Armazene em seus celeiros muita fé e muita esperança. Armazene perdão e misericórdia. Colecione almas, rezando por elas e as libertando do suplício do Purgatório, ainda que seja por um segundo. Tudo isso irá aos poucos construir ao redor de você um muro, uma fortaleza inexpugnável, que não será abalada pela violenta tempestade que se abaterá sobre todo o nosso planeta. E nunca acredite em qualquer pessoa que, mentindo, lhe disser que nada disso acontecerá. É preferível mil vezes ser taxado de louco por avisar, do que de cego, por não querer ver.
 
Mas que este avisar, este alertar para os sinais dos tempos, seja feito com amor, com cautela e prudência. Sim, com constância e fé inabalável, mas sem forçar, sem tentar converter os outros forçadamente. O Espírito Santo indicará para cada caso, a melhor forma de agir, para que mais pessoas cheguem ao conhecimento da verdade. E não esperem converter a todos, nem mesmo de vossas famílias. Deus tem seus caminhos de conversão, e tem modos de conduzir as almas para que a imensa maioria se salve.
 
Realmente, quando vemos que, por 24 horas como no dia 19 o Purgatório esteve vazio, percebemos que a ação das nossas orações tem o poder de produzir maravilhas, porque Deus atende os pedidos dos poucos filhos que pedem, imaginem se todos pedissem a graça a um só tempo. Então o Pai agiria num átimo de tempo, e faria novas todas as coisas, sem que ninguém percebesse, sem sofrimento e sem dor. Por outro lado, esta ação fulminante de Deus agindo em favor dos que falecem, mostra de um lado seu infinito poder, de outro aponta para a exigüidade do tempo. E quanto mais avança os dias, mais a infinita misericórdia atuará, e menor será o índice dos que se perdem eternamente.
 
Vendo isso, percebendo todo o seu pretenso império desfazer-se em cacos, isso irá aumentar de tal modo o ódio cego do inferno, que eles cometerão os mais absurdos erros, pondo a perder sete mil anos de maquinações para o mal. Para que isso tudo aconteça, não é necessário que façamos nada mais que continuar rezando e confiando em Deus. Terço em Família, melhor o Rosário, e amor a Eucaristia em estado de graça. Porque, quando o inferno achar que estas coisas terão desaparecido do coração dos homens, a força infinita destas fontes de bênçãos fará explodir o império de Satã. E seu mundo podre desaparecerá!
 
Por hora ainda a paciência, a oração continuada, e a calma. Nós veremos, com nossos olhos de carne, ruir e rugir todo este planeta, inclusive nosso Brasil. Mas você que está preparado e com Deus não sentirá nada ou minimamente, mesmo que esteja nos planos de Deus o martírio. Não tenhamos medo do que vem, nem uma centelha. Nossa Igreja ressurgirá vitoriosa, exatamente quando o mal pensar tê-la destruído. (Aarão) 
 



www.recadosaarao.com.br





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 24/03/10 às 17:44:47 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES