Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 10388 - Corte Constitucional da Colômbia proíbe juízes de citar a Bíblia
Artigo visto 1822




Visto: 1822
Postado em: 03/12/12 às 09:00:34 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10388
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

A Corte Constitucional da Colômbia que tristemente vem agindo como um instrumento a serviço da cristianofobia, determinou que os tribunais dessa grande nação católica não podem mencionar frases bíblicas em suas decisões.

A medida se aplica a todas as autoridades judiciais e promotores públicos do país.

No mundo civilizado, os juízes apelam com frequência a autores ou escritos consagrados pelo Direito e pela cultura universal como fonte de inspiração. Adágios romanos, formulações de gênios como Dante, Aristóteles ou Hamurabi, servem para ilustrar a decisão do juiz ou do tribunal.

Nada, pois, de mais natural que recorram também ao Livro mais acatado do mundo civilizado: a Bíblia.

Porém, bastou que uma vara trabalhista da cidade de Cali incluísse uma citação bíblica para que a Corte Constitucional – que, infelizmente, vem há tempos se destacando na promoção de normas anticristãs – emitisse esta aberrante decisão.


A citação da Bíblia impugnada no julgamento diz: “Em matéria de justiça, deve-se agir sempre em favor do pobre”.

A Corte Constitucional não tolerou a frase e alegou que os juízes “estão obrigados a respeitar o princípio do laicismo que caracteriza o Estado colombiano”. Essa Corte é responsável pela custódia e interpretação da Constituição nacional.

Para ela, as decisões judiciais “devem ficar livres de qualquer expressão que sugira um viés baseado em crenças religiosas ou convicções pessoais do funcionário judicial”.

A Corte pouco se importou com a contradição ovante contida na sua decisão. Pois ela fez profissão de um viés baseado em princípios e expressões laicistas anticristãos e, portanto, de fundo religioso, embora em termos negativos. Ditas expressões são bem conhecidas, pelo menos desde o século XIX, como posição em função da religião e estão refutadas nos bons manuais de teologia.

O absurdo cristianofóbico teve repercussão internacional, tendo sido noticiado até em jornais canadenses, do estado de British Columbia.


Fonte: http://lumenrationis.blogspot.com.br



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!

LEIA TAMBÉM
Vândalos apedrejam igreja Nossa Senhora das Graças, no Boa Vista
Caminhamos para a pedofilia e a bestialidade?
O cristianismo no século XXI: 2050, África e Ásia somarão 41% dos católicos do mundo!
Papa Bento XVI terá conta oficial no twitter, confirma Santa Sé.
Ator de “Two and a Half Men” se converte e faz campanha contra a série.
Há oito anos foi entronizada na gelada Antártida a imagem de Nossa Senhora mais austral do mundo.
Prioridade da Igreja em Hong Kong: formar os jovens para autênticos matrimônios cristãos.
Cristãos substituem logotipo da Apple em produtos por uma cruz: “A maçã mordida simboliza o pecado original”.
EUA: Padre Roy Bourgeois é punido canonicamente por ordenação inválida de mulher
Veja mais artigos relacionados
 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.276.933
Visitas Únicas Hoje: 1.247
Usuários Online: 262