Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 10482 - Criada linha telefônica de emergência para fiéis com SUPOSTOS problemas de opressão maligna, na Itália.
Artigo visto 2147




Visto: 2147
Postado em: 24/12/12 às 17:12:30 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10482
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

ACI

Ante o aumento do pedido de ajuda por parte dos fiéis que acreditam estar afetados pelo demônio, a arquidiocese de Milão na Itália, encabeçada pelo Cardeal Angelo Scola, habilitou uma linha de atenção e nomeou mais sacerdotes exorcistas para facilitar o processo complexo de discernimento nestes casos que a Igreja leva muito a sério.


Dom Angelo Mascheroni, Bispo Auxiliar de Milão e responsável pelo colégio de exorcistas da arquidiocese explicou que começamos com esta iniciativa “a partir da necessidade” e busca ser uma melhor coordenação dos esforços pastorais.

A Arquidiocese dispôs um telefone central habilitado durante as tardes que pode dirigir os fiéis ao exorcista mais próximo. “Quem precisar, pode ligar e encontrar uma pessoa que lhe dê os endereços mais próximos da zona para que as pessoas não tenham que viajar por distâncias longas” e ressaltou que “a Igreja deve escutar a estas pessoas, faz parte do seu ministério”.

A atenção pastoral dos fiéis que temem sofrer um ataque do maligno é cuidadosa e atenta, na qual se discernem as possíveis causas naturais e espirituais das situações. “No ministério dos exorcistas é fundamental escutar e dar consolo, porque vêm pessoas afetadas que afetam aos demais”, relatou o Prelado. “Todos são recebidos com grande serenidade e não podemos permitir que se desalentem, porque o Senhor é mais forte que o demônio”.

O Cardeal Angelo Scola, arcebispo de Milão, habilitou seis novos sacerdotes exorcistas ante o número de pedido de ajuda por parte dos fiéis.

Os doze sacerdotes exorcistas informaram à arquidiocese os lugares e horários nos quais se encontram disponíveis. “Sugeri a eles que tenham a sua própria agenda e que não se aflijam pela grande quantidade de trabalho”, afirmou Dom Mascheroni. “Devem ter entre duas ou quatro conversas por dia, não mais que isso, pois já seria demasiado”. O critério de discernimento é complexo: “envolve a mente, a ética, a dor física e psíquica”.

O Prelado também explicou que os casos de verdadeira presença do demônio são estranhos, e que muitas pessoas que vão aos exorcistas o fazem porque padecem dificuldades que atribuem ao maligno. Nesses casos “é importante discernir bem as situações”, expressou o Bispo.

Os exorcistas também precisam observar a vida de fé das pessoas, depois de escuta-las. “Pergunto-lhes se costumam ir à missa aos domingos, quando se confessaram pela última vez… “Se já faz mais de dez anos que a pessoa não se confessa, digo-lhe que vá primeiro se confessar e que depois vemos as outras coisas”.

Finalmente, Dom Mascheroni expressou a vontade da Igreja de ajudar a quem sofre este tipo de situações para que não sejam vítimas de bruxos e estelionatários que podem tirar um benefício econômico das dificuldades destas pessoas.

A Igreja deve escutar a estas pessoas, faz parte do seu ministério. Então, se o demônio estiver verdadeiramente presente, o Evangelho nos diz como se comportou Jesus: orando, jejuando e amando”, concluiu.


Fonte: http://www.comshalom.org/blog/carmadelio/



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!

LEIA TAMBÉM
Religiosas anglicanas serão acolhidas na Igreja católica.
Manuscritos do Mar Morto JÁ podem ser consultados pela internet.
Brasil tem recorde de divórcios em 2011.
Papa defende a família, a Verdade e critica “Ideologia do gênero” onde “o sexo não seria um dado originário da natureza, mas uma função social que cada qual decide autonomamente”.
O que a Igreja Católica pensa sobre o “fim do mundo”?
Papa concede indulto a ex-mordomo que traiu sua confiança.
Pesquisa mostra que pessoas dos países mais felizes do mundo tem na família e na religião seu diferencial.
Bento XVI aprova virtudes heróicas de Papa Paulo VI
Deputado gay no Brasil ofende o Papa após o seu primeiro tweet, católicos reagem
Veja mais artigos relacionados
 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.335.362
Visitas Únicas Hoje: 1.361
Usuários Online: 394