Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 13779 - Após 56 anos, governo de Cuba autoriza construção de três novas igrejas católicas no país.
Artigo visto 1719




Visto: 1719
Postado em: 28/09/15 às 13:55:49 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=13779
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

O Governo de Cuba autorizou a construção de três novas igrejas católicas, 56 anos depois da última decisão do gênero pelo regime de Havana, capital do país.

Um dos porta-vozes da viagem pontifícia explicou em conferência de imprensa nesta segunda-feira, 21, que um dos templos vai ser dedicado a São João Paulo II, primeiro Papa a visitar Cuba, em 1998, em Havana.

Em Cuba, o Papa elogiou o “esforço e sacrifício” da Igreja Católica no país, durante a Missa a que presidiu na cidade oriental de Holguín, que acolheu pela primeira vez uma visita pontifícia.

Sei com que esforço e sacrifício trabalha a Igreja em Cuba para levar a todos, mesmo nos lugares mais remotos, a palavra e a presença de Cristo”, disse na homilia que proferiu diante de 150 mil pessoas, incluindo o presidente cubano Raúl Castro, na Praça da Revolução, Calixto García Iñiguez.

Segundo dados do Vaticano, Cuba tem 6,77 milhões de católicos (60,5% da população), espalhados por 11 dioceses e 283 paróquias, com 196 padres diocesanos e 169 sacerdotes de institutos religiosos.

Em Cuba há 18.562 católicos por cada sacerdote; nos EUA, outro destino da 10ª viagem apostólica do Papa Francisco, esse número é de 1753.

Para superar a escassez de clero e de Igrejas, os católicos de Cuba têm cerca de 2600 casas de missão, sobretudo em zonas rurais, onde se reúnem para momentos de oração e catequeses.

Esta é uma resposta criativa e positiva a uma situação em que não há novas Igrejas”, assinalou o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, em conferência de imprensa.

Já no domingo, 20, o Papa tinha recordado em Havana as feridas do povo cubano e elogiou a sua capacidade de superação.

O santo povo fiel de Deus, que caminha em Cuba, é um povo que ama a festa, a amizade, as coisas belas. É um povo que caminha, que canta e louva. É um povo que, apesar das feridas que tem como qualquer povo, sabe abrir os braços, caminhar com esperança, porque se sente chamado para a grandeza”, declarou, na homilia que reuniu 200 mil pessoas na Praça da Revolução.


Fonte: http://blog.comshalom.org/carmadelio



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!



LEIA TAMBÉM
Crise econômica, o que é e como afeta meu bolso?
«As falhas da natureza (a doença, a deficiência física, a morte) não depõem contra a existência de Deus e a bondade do Criador?»
O que é o bem? Existe um critério objetivo de bondade que nos permita discernir, sem medo de errar, entre o bem e o mal?
“A Igreja não anula matrimônios porque fazê-lo seria assimilar que aceita o divórcio; ela simplesmente declara quando o sacramento nunca existiu”
Religiosa evangeliza travestis e transexuais promovendo suas vidas e retirando-os da prostituição.
Minha mãe era freira, foi estuprada e eu nasci. Hoje quero contar minha história
Ei, Deus quer falar com você
Menino de três anos com câncer celebra missa e quer ser papa
Desertores do Estado Islâmico estão fartos de matar muçulmanos, aponta estudo
Veja mais artigos relacionados
 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.619.662
Visitas Únicas Hoje: 1.256
Usuários Online: 293